20 de setembro de 2020

200 Baixe agora mesmo a prévia do meu novo livro sobre o inferno!



Como todos sabem, estou escrevendo uma nova edição totalmente reformulada de meu livro “A Lenda da Imortalidade da Alma”, de onde tirei os dois últimos artigos que postei aqui (este e este). Embora ainda falte muito para o livro ficar pronto, eu decidi disponibilizar desde já a versão em pdf dos capítulos referentes ao inferno (no que se refere ao estado final, pós-ressurreição). Embora seja apenas um pequeno trecho do livro, ele ficou com 286 páginas, entre as quais está incluso o conteúdo dos dois artigos recentes e muitas outras coisas. Como se trata de uma versão parcial e prévia do livro, não terá a opção da versão impressa, a qual só será publicada quando eu terminar de escrever o livro todo e dividi-lo em dois ou três volumes. 

Sem mais delongas, clique aqui se quiser baixar o pdf.
 
O download deve se iniciar automaticamente dentro de alguns segundos, mas caso isso não aconteça entre em contato comigo por e-mail (lucas_banzoli@yahoo.com.br) ou por mensagem inbox em minha página do facebook (facebook.com/lucasbanzoli1), que eu envio em anexo. Aproveito a ocasião para divulgar meu vídeo recente sobre “Por que não há avivamento na Europa”, que, embora tenha ficado longo demais, tem poucos elementos visuais e pode ser ouvido como se fosse um podcast. Para baixá-lo em mp3, basta clicar aqui. E para assisti-lo no youtube:
 
 
Aproveito também para divulgar o novo vídeo do Alon sobre o preterismo, mais especificamente sobre Mateus 24 e a "geração" que veria a volta de Jesus:


Recomendo ainda os novos artigos do Bruno Lima sobre a substituição penal nos Pais da Igreja:
 

• Compartilhe este artigo nas redes:

Paz a todos vocês que estão em Cristo.

Por Cristo e por Seu Reino,



- Siga-me no Facebook para estar por dentro das atualizações!


- Baixe e leia os meus livros clicando aqui.

- Acesse meu canal no YouTube clicando aqui.

ATENÇÃO: Sua colaboração é importante! Por isso, se você curtiu o artigo, nos ajude divulgando aos seus amigos e compartilhando em suas redes sociais (basta clicar nos ícones abaixo), e sinta-se à vontade para deixar um comentário no post, que aqui respondo a todos :)  

200 comentários:

  1. Olá Lucas, você não tem problemas em relação aos livros? Porque você disponibiliza de graça, o que não seria um problema, mas você também faz a versão impressa (e isso custa dinheiro), então não teria que pelo menos recuperar este dinheiro?

    Sobre o que eu falei dos profetas no artigo passado, é porque grande parte dos cristãos não confia muito devido as famosas profetadas (na verdade foi sobre as profecias que fez com que as igrejas antigas abandonasse em geral esta questão dos doms, no século III e IV muitos faziam profecias que não se cumpriam, ai as pessoas pararam de buscar isso, e só as pentecostais a dois séculos trouxeram de volta essa questão de todos os dons espirituais), e por isso vários cristãos (tanto pentecostais quanto tradicionais) dão outros significados aos dons proféticos, que é tudo menos ver o futuro (que foi a explicação que eu tinha dito, embora eu vi que não era a correta depois ler o seu comentário) exatamente por causa de certos problemas que podem sair dai.

    Uma coisa sobre os pré-tribulacionistas. Quando questionados sobre a perseguição do Anticristo, eles dizem que será perseguidos os cristãos que se converteram durante a tribulação, e não antes dela (pois teriam sido arrebatados). Eu vejo isso como sendo um pensamento muito arrogante, estes cristãos realmente se acham especiais a ponto de Deus tirar eles da terra mas deixar os que se converterem depois (fora que é ridículo cristãos se converterem depois, pois quem pregará para eles se não existem mais cristãos para pregar o evangelho?), e isso também me lembrou a parábola do denario, na qual o primeiro trabalhador recebe o mesmo valor que o ultimo, e que os últimos serão os primeiros e primeiros serão os últimos, pois primeiros e últimos são iguais em valor, portanto se Deus fosse arrebatar os cristãos antes do apocalipse, Ele teria também, por amor do próprio nome, arrebatar cada cristão que se convertesse depois, que obviamente não é os pré-tribulacionistas dizem. Tudo para negar a verdade obvia que os cristãos que estiverem vivos continuarão na terra, mas serão poupados das pragas, fora que Deus encurtara o tempo do sofrimento exatamente para os cristãos sobreviverem e verem a Cristo vindo, o que não faria sentido se não houvesse mais cristãos na terra (e seria impossível haver cristãos depois do suposto arrebatamento pois ninguém poderia pregar para eles).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1) Não porque eu não pago nada pela impressão dos livros, eles fazem sob demanda e recebem uma margem de lucro para cada livro vendido, e a gente como autor pode colocar uma margem extra de direitos autorais que vai para a gente (embora no geral eles lucrem muito em cima da gente, já que eu comparei com outros lugares que fazem por esse sistema que você mencionou e realmente sai muito mais barato assim). Por exemplo, se eu imprimisse 100 livros no Bok2 os livros sairiam por um terço do preço que saem no Clube de Autores, mas aí eu teria que ter dinheiro para imprimir todos os 100 livros e teria que vender quase todos pra não ter prejuízo, e o meu público é de todas as partes do Brasil e não um público localizado (tipo pastor de igreja que vende os livros pros irmãos da igreja), então eu gastaria muito com correio e ainda teria toda a dor de cabeça de entregar cada livro para cada pessoa, realmente não vale a pena não, está bom do jeito que está apesar dos apesares.

      2) De fato, as profetadas descredibilizam muito os profetas verdadeiros, mas da mesma forma que ninguém falsifica uma nota de 30 reais, ninguém falsifica um dom que não existe, falsificam o que existe. Mas eu compreendo perfeitamente por que tanta gente tem um pé atrás com profecias a ponto de achar que não existe mais isso na nossa época, embora tudo na Bíblia leve a crer que o dom continua em operação e eu já tenha visto muito profeta verdadeiro (entre outros tantos que profetizam na carne). Recomendo o seminário de dons espirituais do Luciano Subirá, tem vários no youtube, geralmente divididos em quatro ou mais partes (por exemplo, esse abaixo):

      https://www.youtube.com/watch?v=n9Wsi8TtGoQ

      https://www.youtube.com/watch?v=744xKNBEBlc

      https://www.youtube.com/watch?v=IJ4I9eSjoxM

      https://www.youtube.com/watch?v=tDBWCn-ZjgU

      Tem um ou outro detalhezinho que eu discordo das coisas que ele diz, mas é o melhor material que conheço sobre os dons, e recheado de exemplos didáticos bastante práticos (da vida dele e de outras pessoas).

      3) Sem falar que eles dizem que o Espírito Santo não estará mais aqui, e é ele quem convence o mundo do pecado, da justiça e do juízo. Quer dizer: não vai ter ninguém aqui pra pregar e nem o Espírito Santo pra confirmar no coração da pessoa, mas mesmo assim vai ter gente que vai se converter, eu realmente gostaria de saber como...

      Excluir
    2. Vinícius, pergunte aos Pré Tribulacionistas quando estes santos que se converterem na tribulação, e que seriam mortos, vão ressuscitar se a primeira ressurreição já teria ocorrido antes? São apenas duas ressurreições, a dos justos e a dos ímpios.

      Excluir
    3. já vi um pré tribulacionista falar que quem ia ficar eram os judeus que não acreditavam q jesus era o messias

      Excluir
    4. O Espirito Santo sair da terra é uma coisa tão tosca que as vezes nem vale a pena mencionar, é uma doutrina que eles tiraram de lugar nenhum porque sim, sem justificativa. E sim Al Franco, esta é outra contradição, pois eles chegam a dizer que existem três vindas de Jesus (a primeira vinda a 2000 anos, uma segunda vinda invisível, para arrebatar os cristãos, e uma terceira e definitiva vinda), embora a bíblia claramente estabeleça que só existe duas vindas. E ai eles também creem em três ressureições, a primeira junta com o arrebatamento, uma segunda dos cristãos que se converteram durante a tribulação (não sei como, se não deveria ter mais o Espirito Santo segundo eles), e pra isso eles usam aqueles textos dos 144 mil selados e outros textos similares. E por fim a ressureição dos ímpios ao final do milênio (a ressureição não tem o que falar, a bíblia é nítida em falar apenas de duas ressureições e não tem). Eles inventam doutrinas de lugar nenhum, apenas pra sustentar suas ideias mirabolantes.

      Excluir
  2. Respostas
    1. Respondo, mas bem mais demorado do que respondo aqui (geralmente respondo todo mundo de uma vez quando vou postar um novo artigo).

      Excluir
  3. Paz do Senhor,
    Lucas, uma "prévia" do fim do mundo - https://br.yahoo.com/noticias/igreja-que-conecta-fi%C3%A9is-deus-112043579.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois daquela igreja de nudismo, eu já não me escandalizo com nada...

      Excluir
  4. Feliz aniversário atrasado, Lucas. Esqueci de te parabenizar no último post. kk

    Você tem alguma recomendação de livro que foque na história do Cristianismo Primitivo especificamente, ou então algum que aborde a Teologia da Patrística?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Feliz aniversário atrasado, Lucas. Esqueci de te parabenizar no último post. kk"

      Estou aceitando parabenizações até 10 de setembro do ano que vem kk

      "Você tem alguma recomendação de livro que foque na história do Cristianismo Primitivo especificamente, ou então algum que aborde a Teologia da Patrística?"

      Eu fiz um recentemente sobre isso, "Os 100 Maiores Acontecimentos da História do Cristianismo", está disponível na página dos livros:

      http://www.lucasbanzoli.com/2017/04/0.html

      O Roger Olson tem um livro chamado "História da Teologia Cristã", a linguagem pode ser meio complicada de se ler mas pode ser útil.

      Excluir
    2. Já que você está aceitando parabéns até 10 de setembro do ano que vem. Feliz aniversário super atrasado Lucas.

      Excluir
  5. Lucas, colocar o fracasso d paises socialista nas relacoes que els tem com capitalistas, n seria imcoerencia? Cuba n funciona por causa do embargo, mas oq o embargo imterfere se o capital nese tipo d economia ja n é mais importante, se o embargo interfere no socialismo, entao parece q o estado cubano virou uma grande corporacao q precisa d outros para sobreviver d um modo d economia capitalista. Bem, é o q eu penso e vc?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. Antes da revolução, eles diziam que o problema de Cuba era a relação que eles tinham com os EUA (nessa época Cuba era a terceira melhor economia da América Latina), então confiscaram (roubaram) todas as empresas americanas em solo cubano, cortaram as relações bilaterais e o resultado está aí, a ponto dos próprios comunistas culparem o embargo pelo fracasso do socialismo cubano (embora o problema seja infinitamente maior, já que nem uma potência gigantesca como a URSS conseguiu sustentar o socialismo à longo prazo). Eu me lembro que na minha primeira faculdade certa vez um amigo comunista me disse que o comunismo só vai funcionar quando o mundo todo for comunista, ou seja, já não basta ferrar com todos os países que aderiram a esse regime, ainda querem ferrar com todos os outros só pra provar que não funciona mesmo.

      Excluir
  6. Lucas, estava dando uma olhada no seu blog antigo (Apologia cristã) e vi o artigo chamado `` 330 perguntas aos evolucionistas´´ gostaria de saber se alguém respondeu por completo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há uns anos atrás eu fui informado de que alguém tinha respondido, mas nem li. As perguntas não são minhas, foram feitas pelo Iba Mendes (como informo no final do post) e eu apenas republiquei no meu site.

      Excluir
  7. https://www.tiktok.com/@jubileuhawking/video/6872983329893780737 comente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora virei comentarista de Tik Tok também? kkkk

      Sobre esse versículo, eu expliquei aqui:

      http://www.lucasbanzoli.com/2019/10/por-que-sou-favor-do-ministerio.html

      Excluir
  8. 1) Lucas, a bíblia deixa claro tanto no antigo testamento quanto no novo, que devemos orar sem cessar, orar fervorosamente, orar sempre, mas e quanto ao que Jesus disse em Mt 6:7-8. Devemos ou não insistimos em nossas orações, até que Deus nos responda(segundo a vontade Dele, claro)?

    2) O Big Bang ter acontecido a 13.7 bilhões de anos é contraditório a teoria da terra jovem? Se sim, pq o argumento cosmológico ainda é válido, sendo ele totalmente baseado na ciência?
    Se os cálculos estão errados, então o argumento cosmológico tem um grande furo, pois ele é todo baseado neles.

    (Sou cristão)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1) Jesus não falou contra orar cem cessar, orar fervorosamente e etc, mas sim contra a REPETIÇÃO DE PALAVRAS, como faziam os pagãos:

      "E quando orarem, não fiquem sempre repetindo a mesma coisa, como fazem os pagãos. Eles pensam que por muito falarem serão ouvidos" (Mateus 6:7)

      Isso se aplica hoje aos católicos com suas rezas decoradas e repetidas à exaustão, que acham que por repetir o Pai Nosso ou o Ave Maria 30 vezes em vez de 29 eles vão ser atendidos, o que é um total nonsense já que Deus não é uma máquina ou uma loteria que funciona na base do "quanto mais apostar, mais chances tem de ganhar", ele é um Pai amoroso que sabe do que precisamos antes mesmo de orarmos, e quer que oremos para entrarmos em comunhão com ele tal como fazemos com um amigo íntimo, não porque ele precise que fiquemos repetindo as mesmas coisas interminavelmente. Nós podemos conversar por horas com um amigo ou um familiar sem ficar repetindo as mesmas palavras, e da mesma forma podemos (e devemos) ter comunhão íntima com Deus sem a necessidade de usar de "vãs repetições" como se Deus fosse um ser impassível e distante que funcionasse na base da repetição mecânica de palavras, como se fosse um ritual de bruxaria que funciona exatamente assim, na repetição de mantras e palavras pré-definidas. Deus é muito diferente disso, ele é um pai com quem podemos nos achegar e rasgar o nosso coração diante dele, sem vergonha, medo ou intermediários.

      2) Eu conheço muitos adeptos da terra jovem que creem na idade antiga do universo, talvez sejam até a maioria dos que eu conheço, então uma coisa não anula a outra. Mas mesmo que todo o universo tenha alguma coisa a mais que 6 mil anos (e não os bilhões de anos aí), isso não anularia o argumento cosmológico, que é baseado no fato do universo ser finito, não em sua duração temporal. Mesmo que se diga que o universo está se expandindo a uma velocidade x e que por isso deve ter levado tantos bilhões de anos para chegar a esse estado, ninguém pode provar que essa aceleração é contínua e retilínea, justamente porque ninguém estava lá no princípio pra saber. Pode ser que Deus tenha criado tudo muito rápido, e desde então o universo começou a se expandir na velocidade que conhecemos hoje. Isso é tudo uma questão de perspectiva.

      Excluir
    2. Entendi, muito obrigado, Deus abençoe.

      Excluir
  9. Olá Lucas! A paz de Cristo!
    Sei que já fiz uma pergunta referente a 1 João 5:7, mas gostaria de saber uma última coisa.
    Mesmo que esse verso não conste no original, o que ele diz é uma verdade, não é?

    Mas uma coisa, vc já ouviu falar sobre o Dr. Wilbur Pickering? Ele trabalha analisando manuscritos e investigando qual seria o texto original do NT, levando em conta de que, se a bíblia é inspirada (e é) então Deus preservou sua palavra. Ele até encontrou uma família de manuscritos, denominada de Família 35 que tem chances muito grandes de ser o texto original (ou o mais próximo disso)
    Aqui o site dele: https://www.prunch.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Mesmo que esse verso não conste no original, o que ele diz é uma verdade, não é?"

      Sim, é o que eu penso.

      "Mas uma coisa, vc já ouviu falar sobre o Dr. Wilbur Pickering?"

      Eu vi uns vídeos dele há alguns anos atrás e realmente me pareceram bons, inclusive está salvo nos favoritos aqui até hoje. Mas não fazia ideia dessa tal Família 35 e particularmente acho perigoso quando alguém parte da premissa de que "temos que ter os originais da Bíblia para a Bíblia ser inspirada", é com essa mesma mentalidade que gente como Bart Ehrman perdeu a fé. Nós não precisamos ter os manuscritos originais, só precisamos ter manuscritos confiáveis que tenham preservado a palavra com segurança, ainda que não totalmente imune a erros periféricos e irrelevantes, que não alteram a essência da coisa nem afetam uma doutrina de salvação. Mesmo que alguém descubra amanhã os originais da Bíblia de forma irrefutável, ainda assim os cristãos teriam passado milênios sem os originais, e nem por isso a Palavra de Deus deixou de ser preservada por Ele.

      Excluir
    2. Então, quanto ao Dr. Pickering, acho que me expressei mal e não ficou muito claro.
      A ideia dele não é a de que "temos que ter os manuscritos originais para a bíblia ser original". A ideia que ele tem é que, "se Deus inspirou o 'TEXTO' da bíblia, ele deve ter preservado tbm (através da cópias)." Que é basicamente a ideia de todo cristão/teólogo conservador sério.
      O Dr. Pickering então pesquisa qual seria o TEXTO mais próximo do original, e não o papel que foi originalmente escrito. A família 35 seria o texto mais próximos do original, segundo Pickering, e não o manuscrito (papel) em si.
      Fique com Deus!

      Excluir
    3. Explicado desse jeito faz mais sentido mesmo.

      Excluir
  10. Lucas, como se tronar santo tao quanto ou ate mais q um apostolo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você não tem que "se tornar mais santo que um apóstolo" como se estivesse numa competição de santidade, Paulo disse que "cada um examine os próprios atos, e então poderá orgulhar-se de si mesmo, SEM SE COMPARAR COM NINGUÉM" (Gl 6:4). O caminho para a santidade é a oração, o louvor a Deus, a meditação na Palavra e o bom comportamento. Privar-se daquilo que te afasta de Deus e se concentrar nas coisas que são do alto (Cl 3:1).

      Excluir
  11. Lucas, vc acha ( mesmo n concordando com a linha d interpretação) q as características de Laodiceia poderiam ser aplicadas a igreja d hj, como sendo morna, q se ve rica e abastada mas esta nua?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "A igreja de hoje" é uma coisa extremamente vaga, existem milhares de igrejas, de linhas bem diferentes, com doutrinas diferentes, comportamentos diferentes e focos diferentes. Um dos problemas da teoria que equivale as sete igrejas a sete períodos é justamente esse, ele desconsidera a variedade de igrejas e de cristãos em cada época, como se todos fizessem parte de um bloco só. Há igrejas hoje que são parecem com Laodiceia, outras que se parecem com Sardes, outras que se parecem com Pérgamo e assim por diante, e o mesmo pode ser dito em relação a qualquer época. Se há algo para se espiritualizar nas cartas às sete igrejas não é "qual igreja do Apocalipse se aplica a qual período da história da Igreja", mas sim "que tipo de cristãos somos", pois a mensagem não é para os outros, mas para a gente.

      Excluir
  12. Lucas, pelo q vejo, o mundo mulcumano no futro vai ficar q bem israel, vamos taer uma parcela falando q ser mulcumano é algo cultural e etnico, e outro grupo ( diversos grupos divididos entre si) faldno q ser mulvumano é questao religiosa, vejo n so isso cok isla mas tbm com outras religoes no oriente oq vc acha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Às vezes eu não consigo entender direito o que você escreve porque tem muitas abreviações e erros de ortografia, peço que se possível tente escrever de forma mais clara, não precisa ser uma linguagem técnica e perfeita mas algo que facilite a compreensão. Pelo que eu pude entender, você está dizendo que no futuro ser muçulmano será algo cultural e étnico e não apenas uma questão religiosa, mas quando alguém se refere aos muçulmanos como etnia usa o termo "árabes" (embora nem todos os muçulmanos sejam árabes), com os judeus é diferente porque todos os israelitas são genericamente chamados de "judeus" como etnia (mesmo que não descendam da tribo de Judá), que acaba sendo o mesmo termo para quem pratica o Judaísmo, daí a confusão (o mesmo termo "judeu" sendo usado para a etnia e também para a religião judaica).

      Excluir
    2. Às vezes eu não consigo entender direito
      Eu escrevo pelo cell, e rapido e n reviso, vo reve isso.

      Excluir
  13. Lucas ate q ponto passa as respoatas d tarefa para os amigos é pecado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não tenho como responder "até que ponto" porque só Deus sabe.

      Excluir
  14. 1 Lucas, existe uma hierarquia ( biblicamente falando) entre irmãos por exemplo irmão mais novo Tem que servir o irmão mais velho ou isso são só circunstâncias culturais?
    2 Vejo os adventistas falando q pode ser PM, pois combate o crime, mas se quiser ser das forcas armadas tem q ser medico, pq a guerra esta relacionada a coisas egoistas dos seres humanos, e q morre pessoas inocentes. Oq vc acha?
    3 Banzoli, eu penso q eu poderia matar pessoas q invadissem o Brasil, mas nunca sae por ae q nem os EUA fazem, imvadindo qualquer um. Oq vc acha?
    4 Banzoli, mas como é q ficaria para um cristao ter d por exemlo, bombardear tal lugar pq e estrategico mas no processo mata civis, como foi Hiroshima e Nagaski?
    5 ou o cristao ter d torturar alguem pra conseguir informacao?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1 o que é servir? creio eu que não, o irmão mais velho respeita o mais novo e vice-versa, o respeito familiar deve ser dado aos pais e avós e etc, mas não a irmãos nesse sentido, o irmão mais velho é naturalmente mais admirado pelos novos dependendo, e não que os outros tenham que servir a ele.

      3-Se tiver em uma guerra e você for convocado você terá que matar pessoas do lado inimigo, mas a guerra só é justa se for defensiva, eu nunca serviria o Brasil sabendo que o país esta errado (mesmo que eu fosse preso, jamais iria pra esta guerra), agora se o país esta sendo atacado eu acho justo lutar por ele.

      5-Não é correto torturar ninguém. Matar pessoas é valido apenas em legitima defesa (caso um assassino ameace você ou outros e não existe alternativa a não ser matar ele antes que alguém acabe morrendo) e também em guerras defensivas que é de certa forma legitima defesa, agora torturar ou matar pessoas que não sejam este motivo esta completamente errado e fora de cogitação.

      Excluir
    2. 2) Nem sempre a guerra é por razões egoístas, se Winston Churchill pensasse assim provavelmente os nazistas teriam dominado o mundo até hoje. É curioso notar que quando os soldados perguntaram a João Batista como deveriam agir, ele não respondeu que deveriam abandonar sua profissão por ser moralmente errada, mas apenas que deviam praticar sua profissão honestamente:

      "Então alguns soldados lhe perguntaram: 'E nós, o que devemos fazer?'. Ele respondeu: 'Não pratiquem extorsão nem acusem ninguém falsamente; contentem-se com o seu salário'" (Lucas 3:14)

      4) O exemplo que você citou (de Hiroshima e Nagasaki) é um exemplo infeliz porque não era exatamente "estratégico" e praticamente só civis morreram, mas se fosse uma base militar nazista, por exemplo, ou o lugar onde os norte-coreanos estejam tentando fabricar uma bomba nuclear, eu seria a favor, ainda que houvesse a possibilidade de eventualmente algum civil estar no local errado e na hora errada (mas neste caso a intenção não seria matar civis, como foi com Hiroshima e Nagasaki).

      Excluir
    3. Vc e o vinicios combinaram d responde?

      Excluir
    4. Não combinamos, mas eu não costumo responder em cima de comentários que já foram bem respondidos por outros leitores, então me limitei a responder os dois pontos que ele não respondeu.

      Excluir
    5. kkkk quem dera eu conhecer o Lucas pra combinar respostas. É que eu só respondi algumas porque achei que já era respostas pra estas perguntas, que em geral eram bem parecidas. As vezes eu dou uma passada aqui no site e se tem algum comentário que possa responder eu respondo, se eu não sei ai eu deixo pro lucão.

      Excluir
    6. Por mim pode responder todas (não só você, os outros também). Inclusive os seus comentários quase sempre refletem exatamente o que eu penso e muitas vezes vão além.

      Excluir
  15. https://solideogloriaapologetics.blogspot.com/2020/01/does-i-john-22-refute-calvinism.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. If John says that Jesus died not only for OUR sins (that is, for the sins of Christians like him), but for the whole world, then the expression "the whole world" must necessarily include those who are not "ours", that is, those of the world (non-Christians). This is the same meaning of the term "ours" that John uses a little later in the same chapter, in verse 19. That is, "ours" refers to Christians, and "world" refers to non-Christians (and Christ died for all of them).

      Excluir
  16. https://rationalchristiandiscernment.blogspot.com/2020/09/atheism-and-origin-of-life.html

    ResponderExcluir
  17. Parabéns pelo trabalho, Lucas! Pretendo adquirir o livro futuramente quando estiver pronto.
    Mudando de assunto. Pelo que estudei até agora sobre a religião evangélica, os termos "protestante" e "evangélico" não são sinônimos. Todo protestante é evangélico, mas nem todo evangélico é protestante. Eu dividiria os ramos do Evangelismo assim:

    a) EVANGELISMO PRIMITIVO - petrobrussianos, valdenses, lolardos, hussitas etc.

    b) PROTESTANTISMO - luteranos e reformados (a Igreja Anglicana não é mais evangélica oficialmente, embora muitos anglicanos tenham uma visão de Cristianismo igual a dos evangélicos).

    c) EVANGELICALISMO - menonitas, alguns reformados (os puritanos), alguns luteranos (os pietistas), metodistas, congregacionalistas.

    d) PENTECOSTALISMO - assembleianos, Brasil pra Cristo etc.

    O Protestantismo é caracterizado por três pontos:

    1. Ruptura estatal com a Igreja Romana.
    2. Século XVI
    3. Fundado por algum reformador (Lutero, Melâncton, Zuínglio, Calvino, John Knox, Thomas Cramner etc.)

    Não é coerente chamar todos os evangélicos de protestantes porque este termo só foi criado em 1523, para se referir aos movimentos evangélicos que estavam sendo incorporados pelos reis da Europa do século XVI para se separarem da Igreja Diabólica Romana.
    Já os demais movimentos (evangélicos primitivos, evangelicais e pentecostais) tiveram uma origem totalmente diferente. Eles surgiram e cresceram através da pregação da Palavra. Quanto aos neopentecostais, estes NÃO SÃO EVANGÉLICOS porque NÃO ACEITAM OS 5 SOLAS E MUITAS IGREJAS NÃO ACEITAM O CREDO APOSTÓLICO. Até mesmo muitos pentecostais não são evangélicos, por não aceitarem essas coisas que falei (ex. Congregação Cristã, Deus é Amor, Evangelho Quadrangular etc.)

    Esclarecendo as nomenclaturas:

    EVANGELISMO - Evangélico
    EVANGELISMO PRIMITIVO - Evangélico primitivo
    PROTESTANTISMO - Protestante
    EVANGELICALISMO - Evangelical
    PENTECOSTALISMO - Pentecostal (nem todo pentecostal é evangélico pelos motivos que te falei)

    A título de curiosidade, eu sou metodista da Igreja Metodista Livre do Brasil, mas já fui de outras denominações.

    Isso faz sentido pra vc, Lucas? Dê sua opinião por favor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que você está tentando ser muito técnico, mas na prática usamos o termo "evangélico" para definir todos os protestantes (e vice-versa), independentemente de como o termo era usado no início. É muito comum um termo nascer com um significado e com o passar do tempo carregar um significado mais amplo, no caso dos pentecostais por exemplo todos eles se consideram evangélicos e são assim chamados, então não vejo por que dizer que não são.

      Excluir
    2. O problema é que em todo país existe um conceito de evangélico diferente. Por isso existe uma necessidade de se definir o que REALMENTE é um evangélico. Não é bom participar de uma religião descaracterizada, que qualquer um pode dizer que pertence mesmo não pertencendo de verdade.
      Por exemplo, para ser católico tem que acreditar nos dogmas do Catolicismo, para ser metodista tem que acreditar nos 25 Artigos, pra ser anglicano tem que seguir o arcebispo de Cantuária e o Livro de Oração Comum, para ser luterano tem que aceitar a Fórmula da Concórdia etc. Se para pertencer a uma religião existem certos critérios, então por que qualquer um pode ser considerado evangélico???
      Eis os motivos de se definir o Evangelismo:

      1. Nenhuma religião é descaracterizada
      2. Seitas bizarras e hilárias estão sujando a imagem dos evangélicos mesmo sem ser evangélicas de verdade
      3. É historicamente errado chamar todos os evangélicos de protestantes
      4. Por mais que exista muita liberdade no Evangelismo, devido ao Livre Exame, quando uma igreja extrapola os limites do permitido no Evangelismo (5 Solas e Credo), essa igreja não pode ser considerada evangélica.
      5. Não se baseia a identidade de uma religião no senso comum, mas no bom senso e na história

      Não sei se vc entendeu errado o que eu disse dos pentecostais serem evangélicos. OS PENTECOSTAIS SÃO EVANGÉLICOS, MAS NEM TODOS.

      Lista de algumas igrejas pentecostais que eu pude constatar que realmente são evangélicas através de sua confissão de fé:

      1. Assembleia de Deus
      2. Brasil para Cristo
      3. Igreja de Deus em Cristo
      4. ETC

      Igrejas pentecostais que não são evangélicas e os motivos:

      1. CCB
      a) nega o Solus Cristus, pois acreditam que só quem está filiado a igreja deles será salvo. Chamam os evangélicos de "criatura", "primo" (em vez de irmão), "seiteiro" (os membros são tão ignorantes que nem sabem que o termo correto é sectário).
      b) proíbem o estudo da teologia, o que promove ignorância e mais vergonha para os evangélicos.

      2. Igreja Quadrangular
      a) nega a Sola Gratia afirmando, em sua confissão de fé, que quem dá dízimo irá receber bênçãos de Deus. Ou seja, comprar favores de Deus, como a Igreja Católica fazia na época de Lutero. Como se Deus fosse obrigado a abençoar alguém só porque ela deu o dízimo (como se o dízimo fosse ajudar Deus em Si).
      b) tal declaração na confissão de fé pode facilmente levar os pastores a fazer pregações sobre dízimo, roubar e fazer todas aquelas palhaçadas que nós já sabemos. O que inevitávelmente irá escândalizar crentes e descrentes.

      Enfim, existem muitas igrejas heréticas que se consideram evangélicas só para não assumirem que sua igreja não tem nem 100 anos e não tem nenhum orgulho (reformadores inteligentes, ética que faz prosperar, transformação na história, artistas, cantores, cientístas importantíssimos etc.). A estratégia dos trapaceiros é se passarem por evangélicos através do senso comum só para não assumirem que a igreja deles nunca fez nada de bom.
      E como consequência desse silêncio dos verdadeiros evangélicos, essas seitas só nos faz passar vergonha e sermos desprezados.
      Eu mesmo já sofri muita humilhação por dizer que sou evangélico. As pessoas automaticamente me associavam a esses caras chatos que não podem nem beber um pouco, fica tocando a campainha dos outros logo cedo, dá tudo o que tem para o pastor, grita na igreja, compra objetos "ungidos" para se dar bem ect. Eu e milhões de evangélicos estamos cansados de ser desprezados, escarnecidos e escandalizados por sermos confundidos com seitas bizarras e engraçadas.
      Tipo a Flordelis, que escandalizou e envergonhou todos os evangélicos sendo que sua seita nem pode ser considerada evangélica porque nem tem uma declaração de fé oficial.
      A lista de seitas poderia ficar enorme, mas acho que essas duas igrejas aí já tá bom.

      Excluir
    3. O problema é quem vai definir quem é evangélico e quem não é. Como você mesmo disse, o conceito é diferente de país para país, e não há como eu ou você bater o martelo e determinar que tal igreja é evangélica e tal igreja não é e etc, no máximo seria um entendimento pessoal baseado no que achamos mais coerente, mas este não é necessariamente o entendimento das outras pessoas e por isso não vai mudar nada na prática. Por exemplo, eu já recebi aqui no site comentários de muitos da CCB que negam taxativamente essas afirmações que fazem deles (de que só na igreja deles há salvação e etc), já congreguei na Quadrangular e francamente não vi diferença nenhuma para a Assembleia (que você coloca entre as "evangélicas de verdade"), sem falar que muitas igrejas tidas como "seitas" sofrem com a desinformação e a difamação alheia (por exemplo, os adventistas, que são alvos de uma campanha de mentiras e distorções como eu nunca vi).

      Eu não estou dizendo que todas as igrejas que se dizem evangélicas são evangélicas mesmo no sentido de acreditar nas Cinco Solas ou mesmo de serem igrejas sérias (a do Macedo e a do Valdemiro com certeza não são), o que eu estou dizendo é que não cabe a um de nós definir isso dogmaticamente, justamente porque os protestantes não tem um "papa" que bate o martelo e fala em nome de todos. Mesmo os católicos que tem um papa não se decidem se movimentos como o da RCC são católicos mesmo, imagina entre os protestantes. O melhor a fazer nesse tipo de situação é mostrar ao indivíduo que rotula todos os evangélicos como se fossem do tipo que você citou que existem outros tipos de evangélicos que destoam completamente do padrão de crente que "grita na igreja, compra objetos 'ungidos' para se dar bem e etc". Mas não dizer que "eles não são evangélicos", porque aí entraria numa discussão conceitual que não tem fim. Quando eu era criança quase ninguém usava o termo "evangélico", só chamavam de "crentes", hoje em dia o termo da moda é "evangélico", amanhã pode ser outro, terminologias mudam com o tempo, isso não é o mais importante. E ser difamado ou tratado com desprezo os cristãos sempre foram, desde os tempos primitivos quando eram acusados de praticar rituais macabros de canibalismo e até de ateísmo. O próprio Senhor Jesus disse que seríamos maltratados, difamados e perseguidos pelo mundo, não deveria ser algo que nos surpreendesse ou nos incomodasse.

      Excluir
  18. Rev. Banzoli (kkkk), é possível ser arrebatado ainda? Tipo Enoque e Elias?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, tecnicamente não dá pra dizer que é impossível, já que há duas exceções na Bíblia e nenhum texto dizendo ser impossível haver mais exceções. Mas como mesmo em se tratando dos personagens bíblicos mais vultuosos isso era extremamente raro, quanto mais para algum de nós nos dias de hoje. A não ser, é claro, que esteja se referindo ao arrebatamento da Igreja ao final da grande tribulação.

      Excluir
  19. Lucas, eu convidei minha amiga pra uma parceria d evangeliza ( ore por nos, serio mesmo) o colegio em especifico. C conhece livro bom d evangelização? A gente ainda vai estuda ( principalmente eu q n sei nd) sobre o assunto antes d evangeliza.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você quer um livro que ensine a evangelizar ou um livro que sumarize as doutrinas cristãs para se evangelizar?

      Excluir
    2. Lucas, ela falo q e melhor espera a pandemia acaba, pq dai vai ser melhor pras pessoas verem as nossas acoes, so q dai eu falei q a gente n sabe c elas vao volta da pandemia. Mas mesmo assim eu fiqeui com a fala dela na cabeca, n seria melhor esperar para evangelizar depois da pandemia, pois as pessoas poderiam ver melhor a nossa transformação, oq vc acha?

      Excluir
    3. Eu nunca li livro nenhum sobre como evangelizar (até porque, como eu disse, esses livros são focados no tipo de evangelismo de rua que é bem diferente do meu tipo de ministério online), mas dei uma pesquisada aqui e encontrei esse livro que parece ser útil:

      https://hermesgama.files.wordpress.com/2008/09/como-evangelizar-sem-medo.pdf

      Se o evangelismo de vocês vai ser no colégio, então teria que esperar as aulas presenciais voltarem mesmo, é o único jeito.

      Excluir
  20. Lucas, da pra converte minhas avós catolicas? Uma é mais liberal, ja foi em mediun e negocio espirita, a outra e fervorosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gente de idade é complicado, em geral eu diria que é praticamente impossível, porque eles já tem impregnado muito forte dentro deles aquilo que eles acreditaram a vida inteira, e é muito difícil simplesmente abandonar isso e assumir que esteve no engano esse tempo todo. Quanto mais o tempo passa mais os falsos ensinos se consolidam dentro da pessoa e mais difícil é tirá-los dali (como alguém já disse certa vez, é mais fácil enganar alguém do que convencer alguém que foi enganado). Mas não é impossível, o Espírito Santo existe pra isso, então você pode fazer a sua parte e ver no que dá, pelo menos vai ter tentado.

      Excluir
    2. Isso me lembrou meu avô e avó. Eles eram católicos mas não tão católicos assim, e uma vez meu tio que ainda era criança teve uma espécie de tumor no pescoço, por recomendação de um amigo meus avós levaram ele a uma igrejinha que tinha ali, que era evangélica, e depois da oração do pastor ele veio a ser curado, minha família materna se tornou evangélica por causa disso, mas minha bisavó brigou com minha vó porque não queria de jeito nenhum que ela abandonasse o catolicismo (além disso, minha vó tinha enterrado todos os ídolos e imagens que tinha na casa dela, que minha bisavó achou que era um absurdo, e olha que elas nem moravam na mesma casa mas minha bisavó quis se meter no assunto). Ou seja foi realmente um milagre que tirou meus avôs e filhos deles, que inclui minha mãe, do catolicismo, porque se não fosse isso eles seriam católicos até hoje, e talvez eu fosse católico como consequência (ou talvez não).

      Excluir
    3. Pois é, conheço vários casos assim também, eles não apenas não se libertam da idolatria que praticaram a vida toda como ainda querem impedir que os outros se libertem disso. Ainda mais se for um filho, corre o risco de ser escorraçado e expulso de casa. Só um milagre mesmo pra convencer alguém que foi enganado por toda a vida, e mesmo assim para alguns nem um milagre é suficiente.

      Excluir
  21. https://www.patheos.com/blogs/davearmstrong/2020/06/sola-scriptura-cant-definitively-refute-christological-heresy.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. In this article he says that Sola Scriptura cannot refute Christological heresies. But in another article, he refutes the same Christological heresy to which he refers, using BIBLICAL TEXTS:

      https://www.patheos.com/blogs/davearmstrong/2018/04/william-lane-craigs-christological-errors-monothelitism.html

      If Sola Scriptura cannot refute monothelism, why does he use biblical texts to refute monothelism? He himself is refuting his own argument. Either the Bible says nothing about it, in which case Scripture alone cannot refute heresy, or it does, and in this case Scripture can refute the heresy (and also the scarecrow he created).

      Excluir
  22. https://rationalchristiandiscernment.blogspot.com/search?q=Anonymous+Treatise+on+Re-baptism+%28254-257+A.D.%29

    https://rationalchristiandiscernment.blogspot.com/2020/09/the-forgiveness-of-god-for-lapses-in.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Very interesting this anonymous treatise on rebaptism, I did not know it, but I will read it as soon as possible.

      Excluir
    2. Did you get the chance to look up this document yet? If so, what do you think of it?

      Excluir
    3. I read a part, I still intend to read it in full.

      Excluir
  23. Lucas, a filiacao do Filho e pos ou pre encarnação? Oq Jesus quer dizer q ele é o filho d Deus ( n so q ele tem Deus como Pai, pq tbm temos Ele assim, mas se isso revela algo profundo sobre Jesus)?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse artigo do Got Questions responde bem a isso:

      https://www.gotquestions.org/Portugues/Jesus-Filho-Deus.html

      Excluir
  24. Lucas, eu me defino como:

    1. Preterista
    2. Mortalista
    3. Criacionista
    4. Terraplanista

    O que você concorda comigo?

    ResponderExcluir
  25. -Lucas, a bíblia e Eusébio afirmam que um anjo feriu a Herodes que morreu, mas Josefo diz que Herodes viu uma coruja, e isso era um sinal de uma antiga profecia dada a ele, e ai ele veio a morrer como consequência. É possível conciliar as duas coisas? Lembrando que o Eusébio quando cita Josefo muda coruja para anjo na obra dele, o que me pareceu um pouco desleal.

    -Eusébio também diz que Pedro escreveu a primeira carta em Roma, e que ele usou o nome de Babilônia como código. Mas o mesmo Eusébio diz depois que Pedro pregou em muitos lugares, e chegou em Roma e foi martirizado depois, sem ter feito muita coisa aparentemente, o que você pensa desta questão?

    -Você considera que a queda de Jerusalém foi uma punição dada aos judeus por matarem a Jesus e perseguirem os apóstolos? Os pais da igreja consideraram isso (e os católicos até hoje consideram, mas os católicos fazem isso não por razões lógicas e sim por puro ódio aos judeus mesmo).

    -Lucas, se não havia bispos na igreja antiga, mas apenas presbíteros (que também podiam ser chamados de pastores e bispos), então como explicar a sucessão apostólica nas igrejas? Pegue por exemplo Roma, se ali havia apenas presbíteros, então como em algum momento alguém falou "eu vou ser um bispo, e este aqui e este aqui foram bispos antes de mim". Por exemplo, Clemente foi considerado bispo depois, mas na época que ele viveu ele seria um presbítero, portanto o que o identificou dos demais para ele ser considerado um bispo depois, e ai traçar toda uma sucessão de bispos? Não só Clemente mas todos os demais presbiteros das demais igrejas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1) As duas coisas não são excludentes, porque quando Lucas diz que um anjo feriu Herodes ele não está querendo dizer que um anjo se materializou no local e atacou Herodes com uma espada ou alguma coisa do tipo, mas sim que a morte de Herodes ocorreu em decorrência da intervenção de um anjo no mundo espiritual, ainda que tenha tido outra causa instrumental física. Por exemplo, a Bíblia diz que um anjo matou 185 mil soldados assírios, mas isso ocorreu mediante uma praga que o anjo disseminou no acampamento deles, não por uma atuação direta do anjo.

      2) Eusébio era um compilador, quase tudo o que consta na História Eclesiástica são citações de outros autores que ele reunia e colocava no seu livro, por isso não necessariamente está imune a contradições (já que ele eventualmente cita um autor que diz tal coisa e outro autor que diz outra coisa). Mas neste caso não é necessariamente uma contradição, provavelmente ele acreditava que Pedro chegou em Roma no final da vida e lá escreveu sua carta (poucos anos antes do martírio), embora ele tenha afirmado isso devido ao uso do nome "Babilônia" que no Apocalipse é um codinome para Roma, e ele fez confusão e pensou que ali na carta de Pedro era um codinome também, quando todo o contexto indica que não se tratava de uma cidade enigmática mas sim da própria Babilônia mesmo. Por que raios Pedro precisaria esconder ou disfarçar o fato de estar escrevendo em Roma, se o próprio Paulo e Lucas em Atos sempre se referiram a Roma sem qualquer problema ou hesitação e sem apelar para o uso de codinomes? No Apocalipse até vai porque é um livro de teor fortemente simbólico e o próprio João diz que a identidade da Babilônia é um "mistério", mas o contexto que Pedro escreve soa totalmente natural sem qualquer coisa enigmática a se desvendar. Eu abordo isso de forma mais aprofundada aqui:

      https://heresiascatolicas.blogspot.com/2015/03/pedro-escreveu-sua-primeira-epistola-em.html

      3) Sim, tem vários textos que indicam isso.

      4) A transição do colegiado de presbíteros para o episcopado monárquico se deu para evitar cismas na igreja causados por divergências entre os presbíteros, então por conveniência decidiram considerar um dos bispos num grau acima dos demais para resolverem esses problemas (embora isso tenha causado outros problemas por sua parte, que não vem ao caso agora). O Bruno Lima tem vários artigos sobre isso, dessa tag:

      http://respostascristas.blogspot.com/search/label/Episcopado%20mon%C3%A1rquico

      A razão pela qual Irineu identificou Clemente como o bispo maior (quando ele era na verdade um presbítero em igualdade aos demais) é porque ele era o mais destacado, pelo menos o único com uma carta que sobreviveu aos nossos dias (a carta de Clemente aos Coríntios). Ou seja, eles passaram a considerar os presbíteros/bispos mais destacados do período como se fossem bispos no sentido monárquico, embora isso fosse uma imprecisão. Tanto é que Tertuliano e outros que também fizeram listas dos bispos de Roma apresentam listas diferentes, com nomes e ordens invertidas, e Hermas diz que Roma era governada por um colegiado de presbíteros e não por um bispo único (não à toa Inácio nunca se refere a um bispo romano quando escreve aos romanos, embora se refira aos bispos das outras igrejas dúzias de vezes quando escreve a elas). O próprio Jerônimo mais tarde admitiria que no início não havia episcopado monárquico em Roma, e que isso surgiu depois para sanar certos problemas. Eu escrevi um pouco sobre isso aqui:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com/2015/10/a-lista-oficial-de-papas-da-igreja.html

      Excluir
  26. lucas, talvez eu esteja viciado no tik tok kkkk. Bom este video é relacionado a diversos videos com o mesmo áudio , coloquei esse pois está legendado e queria que comenta-se sobre . https://vm.tiktok.com/ZSmgcEAt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos os léxicos apontam que os termos arsenokoites e malakos dizem respeito a homossexuais e assim sempre foram entendidos no mundo antigo, mas a palavra "homossexual" só foi criada em 1848 e levou um tempo até se tornar popular, por isso as versões antigas traduziam por "efeminados" e "sodomitas" (antes de ser cunhado o termo "homossexual" os homossexuais eram chamados de "sodomitas", e até hoje este nome continua vinculado à prática homossexual).

      Excluir
  27. https://youtu.be/eDpFZekuzHo
    O'que você acha desse video do flow?

    A proposito feliz aniversário muito atrasado! Lkkkk
    Obrigado por sempre lutar pela palavra de Deus, você me ajudou muito na fé e consequentemente minha sanidade mental!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg pelos parabéns hehe

      Eu acho tosca essa discussão "Deus vs Ciência", como se houvesse um duelo entre um e o outro e a gente tivesse que escolher um dos lados e rejeitar o outro. Lembra aquele discurso de quem diz "mais escolas e menos presídios", como se não pudesse ter as duas coisas (presídios para ter onde prender os criminosos e escolas para ter onde educar os alunos). Eu creio em Deus e na ciência, o que não significa necessariamente concordar em tudo que a maioria dos cientistas diz, até porque ao longo da história muitas vezes a maioria esteve enganada sobre algo, e ninguém pode falar em nome da ciência (a ciência é um ente abstrato, nós seguimos a ciência quando seguimos os argumentos científicos mais fortes, não necessariamente quando aderimos àquilo que a maioria diz, da mesma forma que eu defendo muitas posições teológicas que também não são a maioria nessa área).

      Excluir
  28. EU VOLTEI LUCAS! A Semana de Provas Finalmente acabou, não sei se minha presença fez falta, mas vamos ao que interessa, vamos começar com os assuntos pendentes:

    Lucas, já viu esse vídeo em que o Joel Pinheiro debate com o Constantino e descaradamente vemos a passação de panos do Constantino:

    https://m.youtube.com/watch?feature=emb_title&v=_Wu1Bk6_ZMo

    Claramente é possível ver que o Joel Pinheiro apresentou fatos sobre o que aconteceu na Pandemia: que países que impuseram Isoladamento Social e Distanciamento se saíram melhor economicamente e que o modelo Sueco de quarentena não deu certo, mas o Constantino não quis nem ouvir e interrompeu várias vezes o raciocínio do Joel, qualquer pessoa com o mínimo de inteligência vai poder ver que os argumentos do Joel Pinheiro refletem a realidade, mas se você ver nos comentários vai ver o gado idiotizado dizendo que a Vitória foi do Constantino e que o Joel é "a direita da esquerda", um "comunista enrustido" e até comentários de insinuações sexuais contra o Joel. Olha, esse foi um dos principais motivos pelos quais eu dei like no vídeo além de apresentar argumentos lógicos e racionais ele irritou o gado. É incrível como o fanatismo cega a pessoa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu respeitava o Constantino,já li livros dele como ´´Esquerda Caviar´´,´´Contra a Maré Vermelha´´, ´´Privatize Já´´,mas ele tem me decepcionado muito ultimamente,essa adesão acrítica dele ao bolsonarismo joga por terra todo o liberalismo que ele diz seguir,até pq o governo Bolsonaro não está sendo liberal,não realizou nenhuma privatização e ainda criou uma estatal e o legítimo liberal conservador tem de ser cético em relação a políticos,tem de ser prudente e não defender fanaticamente,o Joel tem uma postura muito mais sensata que ele.

      Excluir
    2. kkkkk foi um dos vídeos mais vergonhosos que eu já vi do Constantino até hoje, ele literalmente apanhou do Joel nos argumentos em cada mísero ponto que ele levantava:

      (Joel dando argumentos)

      Constantino: Mas e a Argentina?

      (Joel refuta)

      Constantino: Mas e a Suécia??

      (Joel refuta)

      Constantino: Mas e a Itália???

      (Joel refuta de novo)

      Constantino: Mas e o Reino Unido????

      (Joel refuta outra vez)

      Constantino: É fácil tomar medidas autoritárias!!!

      (Joel refuta com um banho de realidade)

      Constantino: Isso não é ciência!!!!!

      (e cortam o vídeo hahaha)

      Sério mesmo, esse vídeo junto com os comentários do vídeo deveria ser usado como a prova de como o fanatismo política cega as pessoas, esses que comentaram o vídeo dizendo que "o Joel passou vergonha" e que "o Constantino destruiu" é o gado idólatra da pior espécie, do mais baixo nível, gente doente que comenta sem assistir o vídeo ou que de tanta lavagem cerebral que já sofreu ficou totalmente desconectada da realidade, como verdadeiros animais (não à toa a Bíblia diz que quem adora ídolos se torna iguais a eles; neste caso, igual ao bezerro de ouro, ou seja, um gado). Quanto ao Constantino, é lastimável que um sujeito como esse seja comentarista político, eu perdi o respeito por ele desde a surra que ele tomou do Ciro Gomes mostrando um total despreparo, e continua sendo surrado até hoje por qualquer comentarista de respeito, que tenha um mínimo de capacidade cognitiva. É o típico comentarista de boteco que joga pra galera, que não se baseia em dados nem tem argumentos, só repete os clichês da gangue bolsonarista à qual ele aderiu, é deplorável. É como um atirador profissional combatendo um jogador de Fortnite, chega a dar vergonha alheia.

      Excluir
  29. Esse cara é o Nicolás Maduro da Europa, vai ser bem difícil tirar o Lukashenko do poder:

    https://www.google.com/amp/s/br.sputniknews.com/amp/europa/2020092316111387-lukashenko-assume-presidencia-da-bielorrussia/

    https://www.google.com/amp/s/www.bol.uol.com.br/noticias/2020/09/23/milhares-vao-as-ruas-para-protestar-contra-posse-de-lider-bielorrusso.amp.htm

    https://www.google.com/amp/s/www.correiobraziliense.com.br/mundo/2020/09/amp/4877567-uniao-europeia-nao-reconhece-lukashenko-como-presidente-da-bielorrussia.html

    https://www.google.com/amp/s/br.sputniknews.com/amp/europa/2020092316115542-eua-dizem-que-lukashenko-nao-e-o-presidente-legitimo-da-bielorrussia/

    ResponderExcluir
  30. Lucas, ficou sabendo que recentemente a Juíza da Suprema Corte dos Estados Unidos RBG faleceu e que por conta disso a vaga dela será estratégica, pois se Trump nomear um conservador os conservadores estarão em vantagem contra os progressistas por 6-3 (antes era de 5-4):

    https://www.google.com/amp/s/www.bbc.com/portuguese/internacional-54243572.amp

    https://m.epochtimes.com.br/se-reeleito-trump-projeta-mais-quatro-indicacoes-a-suprema-corte-todas-de-juizes-conservadores/

    https://www.google.com/amp/s/www1.folha.uol.com.br/amp/mundo/2020/09/morre-ruth-bader-ginsburg-juiza-mais-velha-da-suprema-corte-americana.shtml

    https://www.google.com/amp/s/oglobo.globo.com/mundo/trump-vaiado-em-velorio-de-juiza-da-suprema-corte-1-24657926%3fversao=amp

    Mas pelo jeito as coisas vão ser bem difíceis, pois se os democratas não querem deixar barato e querem vingança pelos republicanos terem barrado um juiz progressista que o Obama nomeou após a morte do Juiz Antonin Scalia:

    https://www.google.com/amp/s/noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/rfi/2020/09/25/anuncio-de-trump-de-substituta-de-ginsburg-na-suprema-corte-deve-acirrar-tensao-politica-nos-eua.amp.htm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não estou muito por dentro disso, mas até onde eu sei a confirmação ou não do nome é uma prerrogativa do Senado, onde os republicanos estão em vantagem, então provavelmente os democratas não vão conseguir barrar a nomeação.

      Excluir
  31. Lucas, aproveitando o guincho da Suprema Corte dos Estados Unidos, você acha que essa seria mais uma oportunidade para que Trump nomeie um juiz protestante, isso porque entre 2010 e 2017 não houve sequer um único juiz Protestante na Suprema Corte dos Estados Unidos (haviam só católicos e judeus seculares), mas Trump acabou com esse cenário nomeando um juiz protestante episcopal (que nasceu católico, mas se converteu ao episcopalismo) Neil Gorsuch, atualmente a Suprema Corte dos Estados Unidos têm apenas só um juiz protestante, e na sua opinião porque os católicos dominam a Suprema Corte dos Estados Unidos (inclusive chegando a serem maioria absoluta da Suprema Corte até 2017)?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://oglobo.globo.com/mundo/ultraconservadora-catolica-amy-coney-barrett-sera-indicada-de-trump-para-suprema-corte-diz-imprensa-dos-eua-24661641 Mas ele indicou outra católica

      Excluir
    2. Eu ia comentar sobre a indicação da Amy Barret, mas acabei esquecendo, muito obrigado por ter me lembrado Gabriel 👍🏻🙂

      Excluir
    3. No governo Obama havia o claro intento de minar a influência dos evangélicos nos Estados Unidos, com o Trump isso não acontece porque os evangélicos são a base do seu eleitorado, mas talvez por já ter indicado um protestante ele quis indicar uma católica pra fazer média com os dois, afinal o voto dos protestantes ele já tem, o que ele precisa é do voto dos católicos (que historicamente votam nos democratas, mas ultimamente estão mais divididos).

      Excluir
    4. Es"que historicamente votam nos democratas,mas ultimamente estão mais divididos." Esse é o caso dos chamados "católicos brancos" porém os latinos ainda votam massivamente nos democratas.

      Excluir
    5. Aqui um link que demonstra isso:
      ttps://www.prri.org/

      Excluir
    6. De fato. Mas eu me referia aos votos no geral mesmo.

      Excluir
  32. 1 Lucas, pq existe tanto dinheiro nu mundo ( U$50 trilhoes, segundo a revista Galileu, somando todos os PIB)?
    2 Vc acha que pela tendência do capitalismo de favorecer a concentração de Capital e de poder ao mesmo tempo, no futuro poderemos viver um governar de bancos e oligopólios?
    3 Se Deus nao existisse, no q o ateu nao acreditaria?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1) Tem muito dinheiro no mundo porque tem muita gente com dinheiro. Antigamente não havia quase nada porque quase todo mundo vivia na extrema-pobreza (97% para ser mais preciso, frente a 11% atuais).

      2) O capitalismo não favorece a "concentração de capital" se forem respeitados os princípios de livre mercado, onde novos agentes financeiros sempre surgem e estão concorrendo livremente entre si, e onde a livre concorrência favorece o consumidor (que por sua vez também passa a ter uma renda maior, diminuindo a concentração do capital ou tornando-a menos relevante). O que favorece os oligopólios é a intervenção estatal na forma de uma imensa regulação burocrática que na prática inviabiliza a criação de novos negócios e consequentemente favorece a manutenção dos que já são grandes, por isso no Brasil basicamente há só 4 serviços de telefonia e internet (Tim, Vivo, Oi e Claro), todos um lixo, enquanto nos EUA há mais de cinco mil e a internet funciona bem melhor. A diferença é que aqui há uma pesada regulação estatal que é bem menor lá, então lá eles tem a livre concorrência enquanto aqui nós temos um oligopólio que só serve para ferrar o consumidor (só nos últimos 30 minutos eu devo ter perdido a conexão umas 20 vezes, fica toda hora caindo e voltando, e não tem pra onde correr porque as outras são a mesma porcaria).

      3) Ateu é quem não acredita em Deus, independentemente de Deus existir ou não.

      Excluir
    2. Lucas será que não vale apena você contratar um provedor de internet local? Faz duas semanas que contratei um provedor local, e até agora a internet está muito boa. Eu tinha internet da Vivo, mas desde que começou a pandemia a internet ficava caindo toda hora. Agora contratei um provedor local com fibra ótica. Tente conversar com um vizinho ou amigo que tenha internet de um provedor local, e pergunte a opinião dele a respeito desse provedor, se for positiva vale apena contratar. Se a tua internet está tão ruim eu acho que compensa tentar um provedor local, mas o problema é que se esse provedor não for bom você só perde dinheiro, pois tem provedores que cobram a instalação, enquanto outros não cobram a instalação, mas se você quiser cancelar antes de 1 ano de uso eles cobram uma taxa de fidelidade.

      Excluir
    3. Olha essa matéria: < https://tecnoblog.net/315924/pequenos-provedores-internet-superam-vivo-net-oi-cidades-setembro-2019/ >

      Excluir
    4. A que eu uso (da Claro) também tem fibra ótica, e mesmo assim cai muito. Curiosamente, também começou a cair nesse ritmo depois da pandemia, antes só caía raramente. Acho que é porque mais gente está usando e aí eles cortam a internet de propósito, não consigo achar outra explicação. Vou ver se existe um provedor local aqui, mas falei com o meu irmão sobre isso e ele acha que isso não é o problema. Mas de todo modo agradeço pela sugestão e se continuar assim a gente vai ter que fazer isso mesmo.

      Excluir
  33. En América Latina muchos hermanos hemos leído tus libros sobre la reforma que han sido traducido al español, mira aquí el fruto de tu esfuerzo.

    https://www.amazon.com/-/es/Lucas-Banzoli/dp/B085K9FN3C/ref=sr_1_1?__mk_es_US=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&keywords=La+reforma+protestante%3A+c%C3%B3mo+el+protestantismo+revolucion%C3%B3+el+mundo.+Vol.+1%3A+Libertad%2C+Tolerancia+y+Democracia&qid=1583895115&sr=8-1

    https://www.amazon.com/dp/B08C9C5DRS?ref_=pe_3052080_397514860

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muchas gracias! Incluiré los libros en la página de los libros, junto con los otros libros para cualquiera que quiera comprar la versión en español. Dios lo bendiga!

      Excluir
  34. Veja só isso:

    https://www.google.com/amp/s/noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2020/09/25/nao-foi-por-invalidez-diz-celso-de-mello-sobre-aposentadoria-antecipada.amp.htm

    https://www.google.com/amp/s/noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2020/09/25/decano-do-stf-celso-de-mello-decide-antecipar-aposentadoria-para-outubro.amp.htm

    https://www.google.com/amp/s/gauchazh.clicrbs.com.br/politica/amp/2020/09/quem-e-o-favorito-para-ocupar-vaga-de-celso-de-mello-no-stf-ckfipbmzm007k01e4vj93v9w8.html

    Recentemente o Ministro Celso de Mello anunciou que irá se aposentar em breve, francamente falando embora eu discordasse muito das ideias progressistas dele, bem como veemente reprovei o voto dele em favor da derrubada da Prisão em Segunda Instância, devo admitir a enorme contribuição que ele teve no mundo acadêmico do direito brasileiro. Mas recentemente saiu essa matéria dizendo quem são os favoritos para ocupar a vaga do Decano da Suprema Corte Brasileira:

    https://www.google.com/amp/s/gauchazh.clicrbs.com.br/politica/amp/2020/09/quem-e-o-favorito-para-ocupar-vaga-de-celso-de-mello-no-stf-ckfipbmzm007k01e4vj93v9w8.html

    Olha, por mais que ele tenha prometido colocar um juiz "terrivelmente evangélico" não descarto a possibilidade dele nomear um Augusto Aras da vida pra ocupar a vaga de Celso de Mello. Lucas, na sua opinião quem é mais provável para substituir o Celso de Mello: Augusto Aras ou André Mendonça ou qualquer um que seja um esquerdista travestido de "evangélico conservador", qual é o mais provável?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://www.metropoles.com/brasil/politica-brasil/saiba-quem-e-o-nome-terrivelmente-evangelico-preferido-dos-pastores-para-o-stf Eu prefiro que seja o William Douglas,tbm está cotado,é juiz federal e especialista em concursos públicos,eu estou estudando para um concurso de tribunal e comprei o livro dele,tbm já assisti a uma palestra dele na AD Belém aqui em SP e foi excelente!

      Excluir
    2. Em se tratando do Bolsonaro, que disse que tinha prometido o cargo ao Moro e depois voltou atrás (e isso muito antes do Moro deixar o governo), eu não duvido que ele coloque um Aras da vida, ou qualquer um que for mais conveniente politicamente no momento, para usar como moeda de troca (pro Aras continuar agindo como um "arquivador geral da república" nos casos envolvendo seu filho e ele mesmo).

      Excluir
    3. Pelo jeito ele acabou de nomear um desembargador relativamente desconhecido ao cargo:

      https://www.google.com/amp/s/www.bbc.com/portuguese/brasil-54364957.amp

      https://www.google.com/amp/s/jovempan.com.br/noticias/politica/feliciano-diz-ter-seguranca-de-que-um-dos-indicados-de-bolsonaro-ao-stf-sera-evangelico.html%3famp

      E um detalhe importante: não se sabe muito se ele é pro-lava jato, à favor da Prisão em Segundo instância e do intenso Combate à Corrupção. Olha, esse governo tá parecendo a temporada de 2017 do Cleveland Browns onde tiveram o incrível feito de perder todos os jogos (um recorde que era detido pelo Detroit Lions até então) num glorioso 0-16.

      Excluir
    4. Só um adendo:

      https://youtu.be/Yi7jmuniKaU

      https://youtu.be/aBseOhhBIhg

      Excluir
    5. Depois da indicação do Aras para a PGR, eu não me surpreendo com nada...

      Excluir
  35. Pelo jeito agora a Música Clássica também é racista:

    https://youtu.be/nGpIBuhhQtg

    Pessoalmente falando, não sei se você gosta, mas música clássica é um dos gêneros de música que eu mais gosto, meus gêneros de música favoritos são: música clássica, rock (em especial o Rock clássico dos anos 50, 60, 70 e os rocks do Freddie Mercury), um pouquinho de música pop e qualquer música Disney. Mas de acordo com esse cara a música clássica é racista pelo fato de ser "eurocentrista" e pelo fato de todos os compositores serem todos brancos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu particularmente não gosto de música clássica, eu praticamente só escuto músicas pop modernas (gospel ou seculares), mas dizer que a música clássica é racista é um atestado de burrice sem tamanho. A razão pela qual seus compositores eram brancos é porque a música clássica tem origem na Europa e na Europa da época quase todos eram brancos (só com a globalização e a imigração em larga escala é que a coisa mudou um pouco), não por serem racistas.

      Excluir
  36. Respostas
    1. O funk é um retrato da decadência moral do país (não só da decadência moral, mas da degradação humana). É a bestialização do ser humano em todos os sentidos, com as letras mais baixas que apelam aos instintos sexuais mais animalescos, com apologia às drogas, com a objetificação da mulher, com apelo a tudo o que é podre. Não merece nem mesmo ser chamado de "música", já que não cumpre requisitos básicos de melodia e ritmo para ser considerado música, é simplesmente uma p*taria audível e nada a mais. Só encontra aceitação em gente vazia, viciada e perdida na vida, gente tão sem noção que faz questão de colocar o som nas alturas sem o menor respeito pelo próximo.

      Excluir
  37. https://rationalchristiandiscernment.blogspot.com/2018/03/critiquing-roman-catholic-doctrine-of.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Well pointed. In the Roman Church, salvation is a bureaucratic process and more complex than quantum physics, where almost nobody can be saved without going through the torments of purgatory. It is unimaginable to think of an apostle or any biblical writer defending this type of madness. For them, the Church saves, baptism saves, the Eucharist saves, extreme unction saves, everything saves, except faith in Christ. Jesus is just another accessory in the complex Roman system of justification, dividing space with countless others.

      Excluir
  38. É incrível como os católicos nunca vão admitir seus erros, sério. Eles falam que os muçulmanos que tavam invadindo o Ocidente, que os ortodoxos haviam atacados católicos (e ai teve a quarta cruzada pra vingar isso ae), que os hereges queimados na inquisição queriam destruir o mundo, que os huguenotes eram malucos que atacavam padres nas missas (esse é risível, eles realmente acham que os huguenotes, uma minoria insignificante da França, iriam atacar os católicos publicamente, sendo que estes tinham exércitos a seu comando para massacrar o menor dos hereges, quão mais um inoclasta ou coisa assim), e que Lutero era um homicida que queria matar o Papa. Eles realmente inventam tudo, todos são vilões, menos eles que são santinhos e só queriam se proteger dos muçulmanos, ortodoxos e luteranos malvadãos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No Twitter, me deparei com uma comunidade católica tradicionalista. A coisa é de revirar o estômago. O Lucas sempre escreveu sobre como os tridentinos representam o que há de mais reacionário, e é exatamente isso. Eles repudiam tudo o que há na Modernidade, em concordância com os decretos papais do século XIX, e praticam revisionismo sem dó. Chega a ser inacreditável. Eu não consigo imaginar como foi o tempo em que essas pessoas comandavam a Terra. É uma satisfação aliviante que gente assim esteja em extinção atualmente, sendo reduzidos aos seus guetos obscuros pela Internet.

      Excluir
  39. Lucas, é possível haver compaixão e bondade numa pessoa cruel, má e desprezível? Um Ser Humano por mais que ele seja desprezível, cruel, mau e impiedoso é possível haver um pouco de bondade nessa pessoa?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pela graça comum, é possível sim. Dificilmente alguém é 100% apenas cruel, mau e desprezível o tempo todo e com todo mundo. Gente assim pode até existir (Hitler, talvez), mas o mais comum é que as pessoas sejam extremamente maldosas na maior parte do tempo com a maior parte das pessoas, mas conseguirem tratar um ou outro mais cordialmente ou cuja maldade depende do seu humor no dia (isso obviamente não significa que essa gota de bondade esporádica seja o suficiente para salvar o indivíduo no dia do juízo).

      Excluir
  40. Lucas, percebo que as igrejas orientais são poucas discutidas no Ocidente, qual sua opinião sobre elas (Igreja Ortodoxa da Etiópia, Igrejas coptas, Igrejas Malankaras e etc)? Parece que os luteranos tem comunhão com a igreja da Etiópia, e que um cristão etíope chamado Miguel o Diácono elogiou a confissão de Augsburgo e conversou com Lutero. Eles também rejeitam a ideia louca do Papa Romano de soberania mundial e acreditam em bastante coisas que os protestantes acreditam, embora com algumas particularidades e divergências. E o grande motivo do cisma de todas estas igrejas coptas e orientais com a igreja católica/ortodoxa foi que em 451 eles discordaram a respeito da natureza de Jesus. Na verdade o debate sobre a natureza divina causou este cisma e o cisma dos católicos e ortodoxos em 1051, bem interessante isso. Seja como for, a existência destas igrejas refuta ideia dos católicos, de que eles sempre tiveram as doutrinas deles desde o inicio, e refuta a ideia do Papa soberano na Cristandade, pois estas igrejas orientais e muitas outras que existem pelo mundo não acreditam em quase nenhuma delas, fora a existência dos ortodoxos também, que acreditam no sacrifício da Eucaristia e da questão dos mortos, embora rejeitem as demais doutrinas, claramente se pode ver que as doutrinas particulares romanistas entraram no meio dos cristãos ocidentais muito tarde na história do cristianismo e não afetou as demais igrejas pelo mundo.

    E Lucas, percebi que a questão da possessão demoníaca é tratada diferente por cristãos de cada pais. Quando Paulo esteve em Filipos, uma cidade grega, ele encontrou uma menina possessa que falava coisas de adivinhação, e aquela cidade era dedicada ao deus Apolo, um deus da ciência e dos mistérios ocultos. Os etíopes que eu citei também dizem que exorcizam espíritos que eles chamam de Buda (que não tem relação com o Siddarta Guatama) que possuem pessoas e as fazem se comportar ou até virar hienas (não da pra saber se a credibilidade disso é real, embora se comportar como hienas seja algo provável), e muitos cristãos que viajam para países da África Ocidental se deparam com os Zangbetos e dizem que são demônios (existe lendas que os Zangbetos estão vazios, mas obviamente tem pessoas ali e já existem filmagens, a questão é como eles fazem manobras variadas, e as vezes perigosas envolvendo fogo, sem nenhuma dificuldade). E os próprios casos de possessão demoníaca na bíblia é muito semelhante as possessões que os mesopotâmicos relatavam (como sinais de loucura, conhecimento sobre coisas divinas, super força, e a pessoa morar em desertos ou cemitérios e atacar os que se aproximam), embora seja diferente da possessão que Paulo encontrou em Filipos. Portanto os cristãos lidam com diferentes casos de possessão demoníaca em cada cultura, existe alguma explicação para isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema em relação a essas igrejas orientais é que é difícil até mesmo conseguir alguma informação sobre elas, além do básico. Como essas igrejas não existem aqui no Brasil e você raramente encontra informações delas a respeito do que interessa (questões envolvendo doutrina e teologia), fica muito difícil comentar algo sobre elas com propriedade. Mas no geral do que eu sei elas são bastante parecidas com a Igreja Ortodoxa, a respeito da qual eu comentei aqui:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com/2015/09/semelhancas-e-diferencas-entre.html

      Sobre a possessão demoníaca, é preciso distinguir a possessão do exorcismo em si. O exorcismo é o mesmo, em todo o lugar, em qualquer época. Mas estar possuído é diferente de estar sendo exorcizado. O demônio só se manifesta daquele jeito quando está sendo exorcizado (porque ele não quer sair, obviamente), mas 99% das pessoas possuídas por um demônio não são exorcizadas e nunca passaram por um exorcismo, então nunca se manifestaram daquele jeito. Uma pessoa possuída pelo demônio pode ser fortemente influenciada por ele em suas ações, mas ainda consegue pensar com racionalidade, ainda tem domínio sobre o próprio corpo. Já uma pessoa em exorcismo perde as suas faculdades mentais, ela literalmente “apaga” e quem passa a dominar o corpo e a voz por completo é o demônio, como vemos nas sessões de exorcismo. Creio que seja este o caso dos zangbetos, já que pessoa alguma conseguiria fazer o que eles fazem, e neste caso é o demônio que assume. Mas em muitos outros casos o demônio está ali dentro, mas a pessoa ainda tem consciência de suas faculdades mentais e é ela que está “operando a máquina”, por isso não faz voz grossa nem produz aquelas manifestações que conhecemos.

      Excluir
  41. lucas , as pessoas usam colonossenses 3 :16 para falar que musica secular é pecado, oq acha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O versículo diz para cantar salmos, hinos e cânticos espirituais a Deus, mas não diz que não podemos cantar ou ouvir músicas seculares (desde que não sejam "mundanas", o que já é outra coisa). Por analogia, Paulo diz para apresentarmos nossos pedidos a Deus (Fp 4:6), mas isso não significa que não podemos pedir nada ao próximo (obviamente, em um contexto totalmente diferente daquele no qual pedimos algo a Deus). Seria errado cantar músicas seculares na igreja (mesmo as seculares não-mundanas), porque a igreja é um ambiente de adoração a Deus, mas isso não significa que não possamos cantar música nenhuma que não seja de adoração, em outros contextos (se fosse assim, não poderíamos cantar nem o hino nacional, nem um "parabéns pra você" no aniversário de alguém, e assim por diante). Não conheço melhor artigo sobre isso do que esse do Maurício Zágari, vale a pena conferir:

      https://apenas1.wordpress.com/2011/09/26/cristao-deve-ouvir-musica-do-mundo

      Excluir
  42. Lucas, eu decidi levantar mais algumas questões aqui, mas sem fazer um comentário para cada uma. Porque não quero gastar mais espaço na caixa de comentários. Vou fazer isso para os outros também poderem comentar.

    1) Sobre a questão do que é ser evangélico, eu creio que se os seminários ensinassem a) o que é ser evangélico, b) que o Protestantismo é, na verdade, um ramo do Evangelismo e não um sinônimo do mesmo e c) não praticar comunhão com seitas falsamente tidas como evangélicas; a imagem dos evangélicos iria mudar totalmente no Brasil.

    2) Pelo que estudei sobre o cânon do Antigo Testamento, o atual cânon que temos na nossa Bíblia foi compilado por Esdras e Neemias. Mas conforme foram surgindo mais partidos dentro do Judaísmo, as pessoas começaram a duvidar desse cânon porque Esdras e Neemias não eram profetas. Existem muitas evidências que cada partido tinha um cânon diferente: os fariseus tinham o mesmo cânon que a gente (Flávio Josefo, um trecho da Mishná, Lucas 24,44 e outros textos extra bíblicos apontam para isso), os judeus helenizados tinham um cânon enorme, incluindo: 1 Esdras, Tobias, Judite, Acréscimos em Ester, 1, 2, 3, e 4 Macabeus, Sabedoria, Sirac, Oração de Manassés, etc., os essênios criam em um cânon com: Testamento dos doze patriarcas, 1 Enoque, etc. Estou lendo um livro chamado "A origem da Bíblia" de Lee Martin McDonald e ele parece um teólogo liberal que acha que não existia um cânon fechado do AT na época de Jesus e ele aponta evidências disso, por exemplo, discussões sobre quais livros deveriam constar na Bíblia registradas na Mishná. Bom, a conclusão que cheguei diante de várias evidências é que de fato cada partido tinha seu próprio cânon com pequenas variações dependendo da região e dos líderes de cada comunidade. Entretanto, discordo que o atual cânon que temos nas Escrituras tenha sido fechado no século III, para mim o cânon foi fechado por Esdras e Neemias (isso consta no Talmud), mas com o passar do tempo alguns hereges começaram a duvidar do cânon só porque Esdras e Neemias não eram profetas. Mas os judeus acabaram por aceitar o cânon correto no século III de forma unânime.

    3) Não sei se vc conhece a história de S. Francisco de Assis, mas eu assisti o filme dele e pelo que entendi ele foi convertido por um valdense. Eu suspeito que talvez o próprio São Francisco fosse, na verdade, um valdense. Mas a Igreja Diabólica Romana distorceu sua história como se ele fosse católico. O que vc acha disso? Se vc conhece a história, repare que a) o cara que estava preso com ele estava com os Evangelhos e foi preso por isso, b) São Francisco fez voto de pobreza, c) ele só aceitava o que estava escrito na Bíblia (falou isso quando criticou seus seguidores por construir uma igreja luxuosa para eles). Se mesmo assim ele não fosse um valdense, vc acha que pelo menos ele tenha se inspirado neles? Ou que de fato, o cara que converteu ele era um valdense ou de algum outro movimento pré evangélico?

    4) Será que as divisões do Cristianismo podem dificultar a evangelização de países não cristãos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu discordo que cada facção do Judaísmo tinha um cânon próprio, os liberais (e católicos) fazem uma confusão enorme com essas coisas. Eles acham que os essênios tinham um cânon enorme só porque muitos livros foram encontrados nas cavernas de Qumran, o que é uma inferência ridícula, seria o mesmo que encontrassem num futuro um monte de livros na biblioteca de um teólogo evangélico e concluíssem que os evangélicos aceitam a canonicidade de todos aqueles livros, quando obviamente a biblioteca inclui os livros da Bíblia (canônicos) e também muitos outros livros considerados úteis em alguma medida, mesmo não sendo canônicos. O mesmo se pode dizer dos judeus helenizados de Alexandria que seguiam a Septuaginta, a LXX não era um cânon próprio, era apenas um compilado de livros canônicos e não-canônicos, da mesma forma que a Bíblia de Lutero (que incluía os apócrifos católicos, apesar do próprio Lutero reconhecer que não estavam no cânon) e da Vulgata de Jerônimo (que destacou na introdução desses livros que eles eram apócrifos, mas os incluiu na Vulgata para a edificação dos fiéis). Então por mais que existissem judeus que não aceitavam o cânon da forma que era, era uma minoria insignificante que não representava o Judaísmo como um todo, da mesma forma que há cristãos por aí que acham que o apócrifo de Enoque deve ser considerado canônico, assim como outros livros, mas eles não falam pelo Cristianismo nem por igreja nenhuma. Sobre Francisco de Assis, eu confesso que nunca vi essa versão de que ele foi convertido por um valdense, e os filmes não costumam ser fontes muito confiáveis, eles frequentemente distorcem a mensagem, acrescentam mitos e outras coisas, do que eu sei ele sempre foi católico, embora de um tipo bem diferente do catolicismo predominante na época. Na verdade ao que tudo indica ele era bem pouco familiarizado com a Bíblia, por isso não chegou a ser um reformador nem aderiu aos valdenses ou a outros grupos da pré-reforma, em seus sermões podem-se encontrar pouquíssimas citações bíblicas. Eu falo mais sobre isso no capítulo 36 do meu livro mais recente (dos 100 Acontecimentos mais Importantes da História do Cristianismo), que você pode baixar na página dos livros:

      http://www.lucasbanzoli.com/2020/09/baixe-agora-mesmo-previa-do-meu-novo.html

      Sobre se as divisões do Cristianismo podem dificultar a evangelização, eu penso que não, pois não há religião que não tenha suas divisões. Todas as religiões são divididas em várias facções, até os muçulmanos que são tão radicais tem suas próprias divisões internas (como xiitas vs sunitas), isso é algo totalmente natural, onde houver seres humanos haverá divergência de pensamento.

      Excluir
  43. https://rationalchristiandiscernment.blogspot.com/2019/03/how-does-darwinism-account-for-sleep.html

    ResponderExcluir
  44. https://rationalchristiandiscernment.blogspot.com/2020/09/examining-catholic-doctrine-of-real.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. I liked the quote from 2 Corinthians 5:16, it is really fatal against transubstantiation, and I had never thought about it.

      Excluir
  45. I was wondering what you thought about this article?:

    https://www.patheos.com/blogs/davearmstrong/2020/06/defense-of-critique-of-james-whites-misinformed-mariology.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. To say that Irenaeus understood Maria as a co-redemptrix is to criminally distort Irenaeus words. It is disgusting. He should be ashamed.

      Excluir
    2. O Wikipedia em portugues sobre co-redenção diz que Irineu acreditava nisso, na verdade o wikipedia em português sobre co-redenção sequer tem muita coisa, só tem frases fora de contexto de algumas pessoas incluindo Irineu e é isso.

      Excluir
  46. lucas, uma classica alegação dos ateus é relacionado a serpente de gênesis, `` a cobra falante`` é correto dizer que a serpente falou por obra satânica? , tipo uma possessão do próprio satanás?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É provável que sim, embora a Bíblia não entre em detalhes quanto a isso.

      Excluir
    2. Olá, amigo. Sua pergunta não foi direcionada a mim, mas eu gostaria de ajudar. Em Apocalipse 12,9 e 20,2, o Diabo é chamado de "antiga serpente" fazendo alusão a antiga serpente de Gênesis 3.
      Com base nisso, alguns creem que ou o Diabo possuiu a serpente, ou ele se materializou em forma de serpente. A primeira versão é a mais tradicional e comumente aceita.

      Excluir
  47. 1 Lucas, pq a ogreja primitova brigava por tao pouca coisa, como por exemplo o dia da pascoa?
    2 como expressar a ira? Por exemplo, alguem zomba d Jesus, fico bravo, mas eu falo pra ele de um jeito manso, falo q to bravo sobre oq ele falo, do um grito, do porrada nele?
    3 Quanto o sexo é importante no casamento? Vi padtores falando q é 1%, outros q é uma boa parte.
    4 Sexo oral e anal e pecado? Eu vi os catolivos falando d q oq é ant natural é pecado, logo sexo oral ( nao confundir com caricias oriais, sexo oral seria chegar ao prazer sem pentracao e atraves da caricias) e anal sao pecado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1) Falta do que fazer. Se você não tivesse trabalho, nem família pra cuidar, nem computador, nem internet, nem televisão, nem cinema, nem videogame, nem música pra ouvir no fone de ouvido, nem opções de lazer, nem esportes pra praticar, nem praia ou piscina, nem jogos de tabuleiro, nem cursos pra fazer, nem viagem para visitar lugares turísticos, nem academia, nem tecnologia alguma, você provavelmente também se importaria muito com a data da comemoração da páscoa.

      2) Se o próprio Jesus não "deu porrada" nos que fizeram isso com ele pessoalmente, mas orou para que Deus os perdoasse em sua ignorância, quanto mais você deveria perdoar os que zombam de Jesus e orar para que eles abram os olhos antes que seja tarde demais. Lembre-se que quando Pedro tentou defender Jesus cortando a orelha de Malco, ele foi duramente repreendido por isso (e Jesus ainda curou o homem).

      3) Isso depende de casal para casal, mas eu acho que se o sexo é o mais importante numa relação a dois, então o relacionamento está fadado ao fracasso. Tudo o que você pratica muito perde o gosto com o tempo. Por exemplo, antigamente eu gostava muito mais de nadar, de jogar futebol, de jogar videogame e outras coisas do tipo do que gosto hoje, porque com o tempo tudo o que você faz repetitivamente perde a graça, pode até ser bom mas não vai ser a mesma coisa que antes, por que você acha que casais que estão há dez anos juntos geralmente quase não fazem mais sexo? Há muitas pesquisas que mostram que até pessoas solteiras fazem mais sexo do que pessoas casadas, porque pro solteiro tudo é novo, tem uma emoção a mais, já o casado já está acostumado com aquilo e não tem a mesma graça. Então se o sexo for o principal de um relacionamento, assim que ele perder a graça o próprio relacionamento acaba, porque se perde o interesse que um tem pelo outro (que é baseado no sexo). Mas se for baseado em outra coisa, como o carinho que se tem pelo próximo, ele tende a se firmar muito mais e tem o potencial de ir longe. Isso não significa que o sexo não seja importante, o próprio Paulo diz que o ideal é que o casal não recuse um ao outro (ou seja, que continue fazendo com regularidade, até para não ceder aos desejos da carne de fazer com outra pessoa), mas ele não pode ser o mais importante.

      4) Sexo anal é pecado porque degrada o corpo, que não foi feito pra isso. Ele também pode causar inúmeras doenças, como você pode ver nessa aula sobre o assunto:

      https://www.youtube.com/watch?v=vJ-tsp4e6aY

      Sobre o sexo oral, eu não vejo nenhum impedimento, inclusive no livro de Cantares há pelo menos um texto que transmite claramente essa ideia, e eu não vejo sentido nenhum nessa distinção entre "sexo oral" e "carícias orais", além de ser um distinção superficial é pura hipocrisia, como se o que fosse definir se é pecado fosse chegar ou não no "clímax", chega a ser ridículo. Não há nenhum texto na Bíblia que afirme ser pecado chegar ao clímax sem ser pela penetração, um marido poderia masturbar a esposa e vice-versa e isso não seria pecado (seria pecado se fizesse isso sozinho ou com alguém que não seja a sua esposa ou marido), só há pecado quando se degrada o corpo (como no caso do sexo anal), fora isso o casal é livre para inventar como vai ser feliz entre quatro paredes. Essa coisa de que "pode carícia oral mas não sexo oral" vem dos católicos que pensam que só pode fazer sexo se for para a procriação, e portanto todas as formas que não servem para a procriação devem ser proibidas, mas isso parte do pressuposto ridículo de que o "sexo recreativo" é pecado, o que é bizarro, legalista e antibíblico.

      Excluir
  48. Lucas, essa semana eu estava assitindo Rodrigo Silva pregando, ae ele menciona q no periodo de salomao ate o inicio do cativeiro tinha um templo perto do de jerusalem, q era para Deus e sua esposa ( uma Ashera na pratica). O rodrigo falou 2 coisas (1 e 2) interessantes, e acrecento uma reflexao (3).
    1 Isso mostra a apostasia daquele tempo, pois os israelitas queriam uma religiao ao seu gosto.
    2 Mostra q eles ( o povo) eram henoteistas na pratica.
    3 Reflexão: eles nao cultuavam ashera pois era outro deus, então nao poderia, mas cultuavam a esposa de Deus, pq era sua mulher, entao poderia, oq é mutio parecido ( identico até) a desculpa dos catolicos sobre maria e os santos.
    Oq vc acha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dar porrada é so brincadeira pra fica claro

      Excluir
    2. Os teólogos liberais dizem que o povo israelita não era monoteísta e que isso só se desenvolveu no cativeiro da babilônia. Enfim, os hebreus eram monoteístas desde Abraão até Moisés, na época deste, eles criaram um bezerro de ouro para representar Deus, e Moisés ficou bravo e quebrou o bezerro. O povo não deixou de ser monoteísta com o bezerro, mas eles estavam começando a se tornar idólatra. Até a morte de Josué eles continuaram monoteístas, mas ai eles começaram a adorar outros deuses. É importante entender uma coisa, eles não pararam de acreditar em Deus (pois existem muitos ali que ainda acreditam em Deus, como Débora a profetisa, e Gideão e etc) mas sim que eles passaram a acreditar em um panteão de deuses, na qual o SENHOR era apenas mais um. Ou seja, Deus passou a ser adorado em meio a muitos deuses, e o povo começou a seguir a pratica destes deuses e não só do Deus de Israel. Samuel o profeta exorta o povo a abandonar estes deuses e adorar somente Deus, pois Ele é o único, e isso também no reinado de Saul e Davi, no entanto o povo continua adorando outros deuses em algum lugares (por exemplo, alguns continuaram idolatrando a estola sacerdotal de Gideão, e outros continuavam adorando a serpente de bronze que Moisés fez). Salomão passa a adorar mais deuses além de Deus ao final de sua vida, e Jeroboão o rei do norte instaura uma nova forma de culto, que é o "pecado de Jeroboão", o pecado de Jeroboão era a união do estado e religião no rei, ou seja, Jeroboão e os reis que o sucederam passaram a fazer sacrifícios para Deus, mas esta era tarefa dos sacerdotes, os reis não podiam fazer sacrifícios, este é o pecado de Jeroboão que a bíblia menciona toda hora, que era o rei fazer sacrifícios a Deus. Outra coisa que Jeroboão fez foi criar dois bezerros de ouro, que novamente representa o próprio Deus, e ele colocou um em Betel e outro em Dã, e o povo passou a adora Deus através destes ídolos, e com o tempo, começaram a aceitar muitos deuses diferentes. Judá seguiu o mesmo costume, chegando ao ponto de "chorarem por Tamuz" que era um deus pagão que eles acreditavam ser o filho de Deus que foi assassinado e jogado em cima de um pinheiro, e chegavam ao ponto de oferecerem incenso a "Rainha dos Céus" que eles acreditavam ser a esposa de Deus, Aserá.

      Excluir
    3. Temos muitas evidencias que o povo israelita e judaico adorava esta Rainha dos Céus, junto com Deus e junto com dezenas de outros deuses, mas isso não quer dizer que o povo só se tornou monoteísta depois, e sim que houveram épocas que o povo foi monoteísta sobre a liderança de alguns homens (como Abraão, Moisés, Josué, Davi, Ezequias e Josias), mas em outros momentos eles, alem de Deus, passaram a cultuar muitos deuses e a esta Rainha dos Céus (além do próprio Deus que eles achavam estar adorando através dos bezerros de ouro). Então o povo adorava vários deuses mesmo, e não só Asera por ser a "esposa de Deus", mas ela com certeza era a mais importante deusa entre eles. Na Divindade só tem o Pai, o Filho e o Espirito Santo, não tem uma deusa ou esposa, mas os israelitas e judeus perverteram isso adorando esta Rainha dos Céus ou Aserá (também chamada de poste-ídolo). E os católicos realmente continuam este culto pagão. A Igreja Romana é a Meretriz da Babilônia exatamente porque eles são os sucessores dos povos pagãos do passado, principalmente Babilônia. Os romanos absorveram o culto pagão do Oriente Médio, e depois quando muitos romanos foram obrigados a se converter ao cristianismo por Teodósio, eles transportaram este culto pagão ao culto cristão, chamando Maria de Rainha dos Céus, tanto é que tanto católicos quanto ortodoxos acreditam nas mesmas coisas sobre Maria praticamente, pois a idolatria a Maria foi uma das primeiras heresias que estas igrejas aceitaram em uma larga escala (junto com a crença das almas imortais no céu e inferno, que foi uma das primeiras heresias que se tornou crença oficial da igreja europeia através dos concílios do século V e VI, e a idolatria a Maria também foi oficializado nesta época, os que únicos que não seguiram isso foram algumas igrejas orientais e cristãos que já estavam tão longe de Roma e Constantinopla que eles nem faziam parte destas igrejas), então sim, os católicos não seguem Maria mãe de Jesus (pois ela iria rejeitar todos os cultos que os católicos fazem a ela), mas seguem a Rainha dos Céus, uma deusa pagã disfarçada de Maria.

      Excluir
  49. https://www.uol.com.br/universa/noticias/redacao/2020/09/28/fe-ou-preconceito-o-que-a-biblia-fala-sobre-relacoes-entre-o-mesmo-sexo.htm

    Boa noite. Nesse artigo, acho que tem alguma coisa errada com a exegese usada.
    (1) Jesus mandou o rico vender tudo e depois seguir a Ele. Logo, se o rico nao vendesse, então não poderia segui-lo. Mas sabemos que ricos podem sim seguir.
    (2) A pessoa com duas capas deveria dar uma delas e seguir a Ele. Logo, se a pessoa nao dividisse, não poderia segui-lo. Mas sabemos que pessoas assim estão sim dentro de igreja.
    (3) Um homem que deita com outro homem como se mulher fosse deveria parar com isso. Logo, se não parasse, não poderia se ajuntar a igreja. Aí a exegese se aplica dizendo que devemos sim deixar a pessoa ficar na igreja pelos mesmos motivos anteriores.

    Tem alguma coisa de errada nessa forma de pensar.
    Apesar da letra da lei ter caído, o espírito da lei permanece. É por isso que sempre achei que devêssemos estudar o Pentateuco com mais atenção, porque tem cristãos que usam a liberdade em Cristo para ir longe demais. Uma coisa é comer a carne de porco crendo que Jesus tornou puro todos os alimentos. Outra totalmente diferente é admitir quem pratica porneia (que a meu ver, significa todo tipo de relação sexual fora do casamento entre um homem e uma mulher).

    Falando em porneia, também tem uma mania de usar o texto grego para justificar a teologia inclusiva, fica parecendo que a pessoa que advoga isso "entende muito" mesmo do assunto e acaba vendo nos textos gregos o que ninguem viu em 2000 anos de cristianismo.

    O queme incomoda é essa forma de interpretar a Bíblia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A meu ver a igreja deveria tolerar a presença de qualquer tipo de pecador (não apenas homossexuais), desde que não tentem contaminar o próximo com o seu pecado. Alguém disse certa vez que a igreja não é um museu para santos, mas um hospital para os pecadores, e isso é verdade. Jesus não veio chamar justos, mas pecadores para o arrependimento (Mt 9:13), e não são os sãos que precisam de médico, mas os doentes (Mc 2:17). Mas quando alguém obstinado no pecado tenta levar outros ao mesmo caminho, ele está sendo uma má influência e precisa ser retirado do meio, da mesma forma que se fazem com os doentes em quarentena. É isso o que a igreja faz através da excomunhão, como Paulo fez com o crente de corinto que não apenas tinha relações sexuais com a esposa de seu pai, como ainda se orgulhava disso diante dos irmãos da igreja. Baseado nisso, eu entendo que o homossexual deve ser aceito e acolhido na igreja, mas deve ser pregado que o comportamento homossexual é um pecado e se ele quiser levar outros irmãos da igreja a esse caminho deve ser excluído da comunidade, ao menos por um tempo até que se arrependa. E o mesmo deve ser feito em relação a qualquer outro pecado, de quem quer que seja. Ninguém deveria ser excomungado apenas por pecados pessoais que não interfere em nada na vida das outras pessoas da igreja, mas deve ser excomungado se o seu pecado levar outras pessoas ao mesmo erro.

      Excluir
  50. Lucas, quais desses canais de esquerda mais defeca pela boca na sua opinião?

    1. Henry Bugalho
    2. O Historiador
    3. Samuel Borelli
    4. Metoro Brasil
    5. Socialista Morena

    Se você fosse juiz de uma competição de quem fala mais asneira, a quem você daria o prêmio de primeiro lugar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conheço alguns deles e os outros vi só alguns vídeos de tempos atrás quando você me mandava, mas realmente são de baixo nível, difícil saber qual o pior.

      Excluir
    2. Então pelo jeito o melhor seria derreter o ouro do prêmio do Primeiro lugar e repartir com os 5.

      Excluir
  51. lucas, como posso refutar a teoria de que o corpo de jesus foi roubado e enterrado em algum lugar escondido?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os apóstolos e demais discípulos não iriam aceitar serem perseguidos e tampouco dariam sua vida por um corpo que eles mesmo roubaram e esconderam. Jesus apareceu quarenta dias para todos eles, eles literalmente provaram que era Jesus e não que era um qualquer, e com esta certeza absoluta eles começaram a pregar em todo lugar, seria muito idiota eles roubarem o corpo, esconderem e fingirem que Jesus ressuscitou, e então sofrerem o resto da vida por isso sendo que eles não ganharam nada. Um apóstolo meio doidão até podia fazer isso, agora achar que onze apóstolos e dezenas de outros discípulos fariam isso ai é uma piada de muito mal gosto dos que negam a ressureição.

      Excluir
  52. Lucas, estou escrevendo um livro a respeito da escatologia e Apocalipse. Eu não to falando que irei publicar ou algo assim, no momento eu apenas o terei aqui em pdf até quando for conveniente, não é um super livrão, mas é que eu sempre tive interesse em colocar o Apocalipse em ordem, o que é uma tarefa difícil, e tem certos elementos ali que é impossível de entender, e só chegaremos a compreensão no Dia mesmo, mas ainda assim estou trabalhando nisso, você é uma grande inspiração para eu estar escrevendo, então se um dia eu te mandar (você terá todo o tempo do universo para ler se quiser) você pode não se surpreender pois tem varias coisas eu peguei de você (principalmente sobre a Besta), mas agora analise este texto que eu escrevi, que é um soco na cara dos pré-tribulacionistas que adoram dizer que não passarão por nada se o apocalipse acontecesse agora:

    Além disso, se lembre que o Apocalipse é uma carta entregue a sete igrejas que estavam sofrendo muita perseguição na Ásia menor/Turquia (Éfeso, Esmirna, Pérgamo, Tiatira, Sardes, Filadélfia e Laodiceia), não faria sentido nenhum se estas igrejas lessem uma carta que não fala de nada relacionado a elas; se o arrebatamento fosse ocorrer antes da tribulação, então o que estas igrejas iam entender? Que Deus vai arrebatar os cristãos do futuro, mas não eles? Como Deus pode ser justo, arrebatando cristãos que tem uma vida muito confortável no futuro, mas deixando estes no passado em meio a tantos sofrimentos e perseguições? E se a perseguição fosse apenas contra Israel como dizem alguns, o que estas igrejas entenderiam? Entenderiam nada, pois a perseguição contra Israel é por motivos diferentes da perseguição a Igreja, além de que Israel será protegido por Deus como já foi mencionado. Agora, se o Apocalipse se trata da perseguição aos cristãos, faz todo sentido o livro do Apocalipse, pois aquelas igrejas iriam ver o porque de Deus permitir com que eles sofram, elas iriam entender porque Deus não traz seu Juízo aos perseguidores, que estavam atacando os cristãos: Deus não trouxe seu Juízo, pois AINDA PRECISA SE CUMPRIR O NÚMERO DOS JUSTOS (Ap 5:10), e isso se cumprirá durante os eventos que estão sendo abordados em todo este livro de João, depois que se cumprir o numero dos mártires, DEUS TRARA SEU JUIZO A TODAS AS NAÇÕES, E FINALMENTE JULGARA OS PECADORES DE UMA VEZ POR TODAS, A ORAÇÃO DOS SANTOS QUE CLAMAM POR JUSTIÇA SERÁ DE UMA SÓ VEZ ATENDIDA (Ap 6:12-17).

    Lucas, um grande tema que eu coloquei neste livro é o quinto selo, a oração dos santos, pois este texto é super importante. Os cristãos de todas as épocas e lugares clamam por justiça a Deus, mas Deus não faz isso, Deus atende a todas as nossas orações, mas essa em especifico Ele parece não atender, este é o quinto selo, os santos se perguntando do porque Deus não os atender. Então é dado a resposta, que ainda faltam pessoas a serem salvas, se Deus trouxesse seu Juízo agora e imediatamente, muitos que ainda acreditariam nele seriam destruídos sem salvação, por isso Deus nos deu tempo para que pudéssemos nos arrepender e se converter a Ele. E quando a salvação chegar a sua plenitude, Deus finalmente trará seu Juízo sobre os pecadores que se recusam a vir até ele (este é o sexto selo). Aqueles cristãos das sete igrejas finalmente encontraram alivio ao ver a carta de João, pois eles saberiam que um dia, quando a salvação chegasse a todos que irão recebe-la (inclusive durante a Grande Tribulação, pois haverá mártires na grande tribulação, em Ap 7:14), Deus finalmente trará sua Justiça, respondera a oração dos santos de uma só vez, e instaura um Reino só de paz para sempre com todos estes que o aceitaram. Não faria sentido nenhum o apocalipse se Deus fosse arrebatar os cristãos antes (seria bastante injusto com os cristãos gregos que estavam sofrendo perseguições), ou se fosse se tratar apenas de Israel (como dizem preteristas e alguns pré-tribulacionistas) que não tem nada haver com estas igrejas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu livro parece ser muito bom, quando você terminar me avise para que eu possa divulgar aqui no blog (e se quiser criar uma versão impressa para publicar no Clube de Autores como eu faço com os meus livros eu posso ensinar como se faz).

      Excluir
    2. Muito obrigado Lucas, como eu disse por enquanto não tenho intenção de publicar nada, eu tenho 18 anos e faço jornalismo, então talvez eu aprenda mais sobre esta questão de publicar e ai posso fazer um dia, talvez abrir um site ou coisa assim, visto que eles ensinam isso na facul. Além disso este livro não é muito grande, por enquanto tem cem paginas (ainda não terminei) então não acho que valeria a pena publicar, eu poderia apenas tornar publico como pdf mesmo, sem precisar pagar nem nada. Eu já li muitos livros sobre o apocalipse, mas geralmente eles eram pré-tribulacionistas, ou imortalistas, ou negavam a salvação dos judeus no final dos tempos, então eu planejei explicar as profecias escatológicas de uma maneira pós-tribulacionista, mortalista e que coloca os 144 mil salvos como Israel, e estas três coisas eu nunca vi em nenhum lugar (talvez um site ou outro, uma pregação ou outra até fale, agora uma obra sobre isso eu nunca vi). Se tiver eu gostaria de saber (o que não me impede de terminar o meu hehe).

      Excluir
    3. Você não precisa de faculdade pra saber abrir um site, eu já tinha um monte de sites antes de fazer faculdade, é a coisa mais simples que existe, principalmente quando se trabalha com a plataforma blogspot (ainda que recentemente eles tenham mudado todo o design e dificultado um pouco, mas ainda é bem simples de aprender e é de graça). Se precisar, é só buscar tutoriais no youtube que deve ter de um monte. Os meus sites (à exceção do mais antigo, o "Apologia Cristã") são todos do blogspot feitos de forma simples, tudo o que eu preciso fazer é substituir o layout padrão do blog por um personalizado que você pode baixar nesta página (tem milhares de opções) e substituir no html (também é muito fácil de fazer):

      https://btemplates.com/

      A ideia do livro impresso seria para aquelas pessoas que não gostam de ler em pdf e preferem ler um livro físico e tem dinheiro pra isso, eu tenho vários leitores que dizem isso, eles não gostam de ler livros pelo computador ou celular e aí compram a versão impressa. E como eu disse, no Clube de Autores você não gasta um centavo pra publicar um livro, mesmo que ninguém compre, embora tenha que fazer o trabalho de diagramação sozinho. Mas você que sabe.

      Excluir
    4. Valeu pelas ideias, sobre a faculdade eu quis dizer que no curso eles tem sobre como fazer e personalizar os sites, e não que eu preciso da faculdade para isso. Mas quando eu terminar o livro eu te mando e ai você pode ler e se gostar você coloca em pdf para as pessoas, se eu for publicar ainda pode levar um tempo, porque minha intenção era apenas de ter este livro em pdf mesmo e de enviar para quem quisesse ler (caso eu viesse a conversar com alguém sobre), eu não tinha pensando em toda esta questão de publicar (quando você falou que poderia colocar no site eu até me surpreendi), então em versão impressa ainda tenho que pensar mais a respeito. Sobre o site eu verei se farei um.

      Excluir
    5. Eu acho importante ter um site ou algum lugar para armazenar as informações mais relevantes, eu frequentemente me esqueço de uma coisa ou outra mas me lembro que escrevi sobre aquilo em algum lugar e vou lá e me lembro rapidamente. Inclusive quando eu criei meu primeiro site originalmente, no início de 2009, a intenção não era ser lido pelas outras pessoas, era apenas de armazenar num lugar só aquilo que eu havia aprendido de outros lugares e fazer um compilado das melhores provas da veracidade da fé cristã. Como vira e mexe o meu computador quebrava e tinha que ser reformatado (e naquela época não existia Google Drive ou a nuvem pra salvar os arquivos), eu vi que em um site o conteúdo ficaria lá guardado para sempre e de forma mais organizada do que ficaria no computador, e mesmo que hoje em dia eu escreva mais por outras razões, continua sendo algo que me ajuda muito.

      Excluir
  53. Lucas, porque Deus na hora d faze o canon nai reuniu os apostolos num concilio pra decidi trindade, alma imortal, pre tribulacionismo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os apóstolos não precisavam se reunir num concílio para decidir coisas que eles já sabiam ou para refutar heresias que nem tinham surgido ainda. As novidades surgem com o passar do tempo, e só então é que são discutidas para serem aceitas ou rejeitadas.

      Excluir
  54. https://www.tenhomaisdiscosqueamigos.com/2020/09/28/joaquin-phoenix-filho-river/

    O filho do Coringa mal nasceu e já eliminou o SPFC da Libertadores Banzolao kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois que aquele time do Mirassol montado às pressas pelo whatsapp com 18 desfalques, um motorista de Uber entre os titulares e um jogador que havia chegado um dia antes só pra treinar e acabou entrando em campo e fazendo dois gols no São Paulo eliminando a gente em pleno Morumbi, eu acho que é obrigação moral de qualquer time eliminar o SPFC, ainda mais em se tratando do River. Eu acho que se eu ligar pra uma dúzia de rapazes da minha igreja totalmente fora de forma assim como eu e montar um time pra enfrentar o SPFC, seria obrigação nossa ganhar desse time do Diniz. Duvido que eu tomaria gol de um jogador como o Pablo, que em 5 jogos como titular não conseguiu acertar a pontaria do gol em nenhum deles, de acordo com as estatísticas oficiais.

      Excluir
  55. O Yago no ultimo vídeo fez uma defesa risível do imortalismo, claro que ele não tinha muito tempo para explicar as coisas visto que era respostas rápidas, mas olha as coisas que ele fala:

    -A parábola do rico e lazaro (esse é engraçado, afinal a história eles não creem que é literal, mas eles acreditam que os elementos é literal, Abraão aqui é um elemento da história pois ele ja estava no Céu, que até recebe o nome seio de Abraão. Só que é engraçado porque Jesus não havia ressuscitado ainda, então como é que Abraão poderia estar no céu sendo que Jesus teria que ressuscitar primeiro? A situação fica pior pros católicos, que vão dizer que os patriarcas estavam no limbo, mas ainda assim eles não tem problema em ver Abraão já no céu nesta parábola).

    -Jesus e o ladrão (ele fala que não tinha virgula no grego, kkkk, sendo que no grego não tinha virgula em lugar nenhum).

    -Ele diz que no Apocalipse tem pessoas diante de Deus no céu (no mesmo texto que fala de 144 000 pessoas que tem o nome de Deus marcado na testa, a menos que é claro que ele acredite que exatas 144.000 pessoas virgens terão uma tatuagem de Deus na testa, pois o texto fala que estas pessoas serviam a Deus antes dos 144 mil selados, e não que elas eram almas desencarnadas no Céu servindo a Deus, e sim que elas serviam a Deus na terra, que é representado com elas trabalhando no templo e servindo Deus noite e dia, não que elas estejam realmente no Céu como almas desencarnadas, o sentido é que os 144 mil serão salvos, mas antes deles, no "céu" ja serviam a Deus pessoas de muitas nações, pois os gentios abraçaram o cristianismo enquanto os judeus só farão isso no final dos tempos de maneira total).

    -E ai ele fala dos adventistas, como se só os adventistas acreditassem nisso e nenhum outro grande nome da teologia. Na verdade o Yago tem um grande problema com adventistas mesmo, então ele deve achar que mortalismo só se resume a adventistas onde ele pode ficar acusando a vontade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que mais me impressiona é ver como até os teólogos imortalistas mais conceituados (ou pelo menos os que costumam ser bons quando discorrem sobre outros assuntos de sua preferência) são miseravelmente fracos quando falam sobre imortalidade da alma, com aqueles mesmos argumentos rasos, toscos e já exaustivamente refutados, que eles repetem sempre. Tudo bem que ninguém tem a obrigação de ser um expert no assunto ou de estudar esse tema à fundo por mais de dez anos como eu venho fazendo, mas se pelo menos de dessem ao trabalho de ler um mísero livro sobre o assunto iriam deixar de reproduzir argumentos tão ruins e pelo menos elevariam um pouco o nível da argumentação. Mas isso nunca acontece, porque eles não estão preocupados com esse assunto e se limitam a estudar sobre isso nas breves linhas de livros genéricos de teologia sistemática ou em artigos rasos de internet, e os poucos que leem algum livro sobre isso leem aquelas porcarias escritas por Elias Soares, Natanael Rinaldi e etc, livros de péssima categoria que só servem para perpetuar esses argumentos rasos, em vez de ler pelo menos um único livro mortalista para ver o outro lado da moeda.

      Ou seja, eles vivem numa bolha onde acham que a verdade já está pré-definida (se os adventistas dizem algo, então está errado e caso encerrado), e se mantém numa ignorância deliberada pela falta de interesse no tema (quando não pela falta de capacidade cognitiva) e pelo viés de confirmação (que os leva a procurar ler sobre o assunto apenas materiais que defendem o ponto de vista deles, por isso repetem as mesmas falácias já refutadas mesmo sem saber que já foram refutadas). A maioria sequer se preocupa em estudar o assunto a sério porque tem medo de mudar de opinião e contrariar a maioria (e sabemos que ir na contramão da maioria traz muitos prejuízos), ou porque pensa que se a maioria diz tal coisa, então tal coisa está certa e nem precisa ser estudada a sério. Infelizmente eu tenho notado que a grande maioria dos que se dizem cristãos não forma a sua linha teológica a partir daquilo que lê e interpreta na Bíblia, eles simplesmente repetem o que é dito pelo pastor, pela denominação ou pela Confissão de Fé da igreja deles, ou seja, seguem a tradição, exatamente como os católicos. Embora da boca pra fora digam "Sola Scriptura", o que realmente define a sua crença não é a Escritura em si, mas fatores externos relacionados à igreja, aos líderes religiosos, às tradições eclesiásticas, à criação que recebeu e etc. Então buscam na Bíblia apenas a confirmação daquilo que já creem para poder usar contra os demais, e em se tratando de um livro tão grande não vai faltar pretextos mesmo (uma parábola aqui, uma vírgula mal colocada ali, uma simbologia apocalíptica bisonhamente tomada ao pé da letra, e assim por diante).

      Excluir
  56. Comente:

    https://www.google.com/amp/s/brasil.elpais.com/ciencia/2020-09-09/oms-reduz-expectativas-e-acredita-que-vacina-contra-a-covid-19-nao-estara-amplamente-disponivel-antes-de-2022.html%3foutputType=amp

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Melhor uma vacina segura que demore a surgir do que uma porcaria daquelas vindas da Rússia.

      Excluir
    2. Realmente concordei com cada palavra dita, disso realmente não tem como discordar, mas você acha que é possível haver uma abertura gradual mesmo sem vacina? Na sua opinião, como escolas e faculdades devem ser reabertas e como podemos reabrir e voltar ao normal mesmo sem uma vacina disponível? (Ou quiçá, que mesmo que esteja pronta, demore até mesmo dois ou três anos pra imunizar todo mundo, pois certamente não tem como imunizar todo mundo de uma vez só). Falo isso, porque sinto realmente muita falta das minhas aulas presenciais, mas mesmo realmente sentindo falta, votei pela manutenção do EAD até a disponibilidade da vacina, afinal de contas, a vida e saúde estão em primeiro lugar sempre.

      Excluir
    3. Eu acho uma hipocrisia permitirem praias lotadas, bares lotados, manifestações de rua aglomerando milhares de pessoas, volta do futebol, culto presencial, academia e etc, e não liberarem as faculdades com medidas de proteção. Claro que isso deveria ser acompanhado de uma queda no número de contágios e quando os hospitais tivessem leitos suficientes para os novos casos, na Europa por exemplo as aulas já voltaram há algum tempo (com medidas de distanciamento, uso de máscaras e etc), mas eu não vejo sentido em esperar até a vacina, se fosse assim teria que fechar todo o comércio e todas as atividades por anos e todo mundo morreria de fome e tédio.

      Excluir
  57. Lucas, comente:
    https://www.youtube.com/watch?v=Vae-Ae3v-Fg
    https://www.youtube.com/watch?v=Q9J2OGknw3s
    Não precisa ver o vídeo inteiro , só a conclusão que ele faz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Marcelo Berti tem dois artigos bem completos sobre isso:

      https://marceloberti.wordpress.com/2010/01/15/o-que-dizer-de-jo-1-1/

      https://testemunhadecristo.wordpress.com/2010/11/18/joao-1-1-gramatica-ou-interpretacao/

      Excluir
  58. https://g1.globo.com/politica/noticia/2020/10/01/saiba-quem-e-kassio-nunes-marques-indicado-por-bolsonaro-para-vaga-de-celso-de-mello-no-stf.ghtml o Kassio Nunes,indicado pelo Bolsonaro para o STF foi escolhido pela Dilma para o TRF e não é ´´ terrivelmente evangélico´´ como ele declarou que indicaria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prometeu um ministro "terrivelmente evangélico" e entregou um terrivelmente petista...

      Excluir
  59. Banzolao eu acho contraditório o Bolsonaro e seus apoiadores discursarem contra a esquerda,contra o STF e quando ele tem a chance de mudar ele indica vários esquerdistas como o Aras,o André Mendonça amigo do petista Toffoli para o Ministério da Justiça e agora um petista para o STF.Na prática ele faz um governo de esquerda,tá fazendo tudo que o PT quer,não vejo diferença dele para o PT,até na corrupção ele copiou o PT.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que fazer tudo o que o PT quer, senão o PT volta...

      Excluir
  60. Banzoli, paz de Cristo, eu mandei essa mensagem no Messenger do Facebook mas estou postando aqui caso você não veja. Se for do seu interese, dê uma olhada na história do Carlos Acutis e escreva um artigo dando seu parecer no blog, estão falando que essa é a "prova irrefutável da legitimidade da fé católica romana".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho esse artigo de 2015 sobre os tais "corpos incorruptos":

      http://heresiascatolicas.blogspot.com/2015/04/o-pior-argumento-catolico-de-todos-os.html

      O que está ali se aplica a qualquer caso, incluindo este. Embora em se tratando desses casos mais recentes da nossa época seja estupidamente fácil se aplicar produtos que artificialmente preservam o cadáver, o que torna ainda mais difícil de levar a sério esses casos. E eu também gostaria de saber desde quando que algo macabro como preservar um defunto e mantê-lo para exposição pública é a "prova irrefutável" da legitimidade de alguma religião, nenhum profeta do AT ou apóstolo do NT teve o seu corpo preservado, e nem por isso o Cristianismo é falso. Eu me impressionaria com algum milagre útil e relevante como ressuscitar um morto ou curar alguém leproso, mas um "milagre" completamente inútil como esse que não serve a qualquer propósito relevante na vida de pessoa alguma é mais uma prova de como eles estão desesperados em arrumar qualquer pretexto idiota pra "legitimar" a religião deles. É curioso que a Bíblia fala dúzias de vezes nos sinais que acompanhariam os que creem, mas NUNCA diz que um desses sinais seria que o corpo seria preservado após a morte. Fala até de ressuscitar os mortos, mas não de preservar um cadáver. Mas ao invés deles ressuscitarem esse rapaz falecido e provarem ao mundo a legitimidade da fé deles como quando Jesus ressuscitou e provou a autenticidade da fé cristã, eles se limitam a preservar o cadáver para levar milhões de fiéis ingênuos a adorar um defunto, conduzindo-os para ainda mais longe de Cristo.

      Excluir
  61. Oi Lucas,em quanto tempo você acha que o mundo se recuperará da crise econômica vigente?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende de país para país. Tem país que já está superando a crise, e outros que já estavam em crise antes mesmo da pandemia e que agora estão mais ferrados ainda. Como o Brasil estava quase estagnado (crescimento ínfimo de 1%) antes da pandemia, é provável que seja um dos que mais demorem para se recuperar de seus danos.

      Excluir
  62. https://www.youtube.com/watch?v=lrKSo7ixpzI Banzolão eu sei que vc não tem tempo para assistir vídeos,tanto é que ultimamente não te enviei nenhum link de vídeo,mas quis te enviar esse vídeo e pedir por favor para vc assistir do minuto 24 até o 31,as falas do Eduardo Moreira e do Jessé Souza,ambos são de esquerda e reconhecem que a igreja evangélica sabe dialogar com os pobres,por isso muitos pobres vão para lá e se tornam conservadores e que a elite intelectual esquerda se mantem distante deles,achei boa a reflexão,o Eduardo Moreira diz que muitos intitulados progressistas acham absurdo o cara da favela acreditar no que o pastor diz e não nos cientistas,nos intelectuais,mas aí ele diz,mas que ciência foi apresentada para ele?Quando que um cientista o abordou,o pastor está presente na vida desse habitante da periferia,quando a pessoa precisa de dinheiro o pastor empresta,o pastor aconselha a família dele,cuida,orienta,por isso ela se torna pentecostal e consequentemente conservadora politicamente,achei interessante que apesar deles serem esquerdistas reconheceram isso

    ResponderExcluir
  63. Lucas me responda aos textos utilizados por CATOLEIGOS como(2Rs2.14;13.21;At5.15 e Ap19.11-12) que estão se utilizando da beatificação do jovem que morreu em 2006, de leucemia o Carlo Acutis? Me explique de forma sucinta estes textos do livro de reis, atos dos apóstolos e apocalipse que citei?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Então bateu nas águas do rio com o manto e perguntou: 'Onde está agora o Senhor, o Deus de Elias?'. Tendo batido nas águas, essas se dividiram e ele atravessou" (2 Reis 2:14)

      Que tipo de corpo incorrupto tem aqui? Entendi é nada.

      "Certa vez, enquanto alguns israelitas sepultavam um homem, viram de repente uma dessas tropas; então jogaram o corpo do homem no túmulo de Eliseu e fugiram. Assim que o cadáver encostou nos ossos de Eliseu, o homem voltou à vida e se levantou" (2 Reis 13:21)

      Isso aqui é uma ressurreição, não um corpo incorrupto. Inclusive Eliseu já havia sido reduzido a ossos, segundo o texto. Eu tenho um vídeo sobre isso, a propósito:

      https://www.youtube.com/watch?v=rlO9Lx5ybrI&t

      "De modo que o povo também levava os doentes às ruas e os colocava em camas e macas, para que pelo menos a sombra de Pedro se projetasse sobre alguns, enquanto ele passava" (Atos 5:15)

      Mais uma vez: que raios isso tem a ver com um corpo incorrupto???

      "Vi o céu aberto e diante de mim um cavalo branco, cujo cavaleiro se chama Fiel e Verdadeiro. Ele julga e guerreia com justiça. Seus olhos são como chamas de fogo, e em sua cabeça há muitas coroas e um nome que só ele conhece, e ninguém mais" (Apocalipse 19:11-12)

      ??????????????????????????????????????

      Excluir
    2. Lucas, acho que o texto de 2 Reis 2:14 os católicos devem estar usando pra falar de "relíquia sagrada" e não de corpo incorruptível. Segundo eles Elias não estava mais aqui (seila se pros católicos ele virou uma alma desencarnada, se morreu, se esta vivo com corpo no céu, os católicos inventam qualquer coisa mesmo) mas seu pano continuou funcionando, o que segundo eles prova que se pode usar relíquias sagradas, estatuas sagradas e tudo mais com nome sagrado, basta peregrinar até lá, tocar e pronto, será curado e e ira diminuir seus pecados assim como o pano de Elias fez milagres mesmo ele não estando mais na terra.

      Excluir
    3. Eliseu não fez o milagre por causa do pano, ele fez porque tinha uma porção dobrada da unção que estava sobre Elias (2Rs 2:9). Foi essa unção que estava sobre ele que lhe tornava apto a fazer os milagres que fez, não o manto de Elias. Tanto é que daqui em diante nunca mais Eliseu é mostrado com o manto de Elias e ele continua fazendo um monte de milagres. Atrelar o milagre de Eliseu ao manto em si seria o mesmo que atribuir a abertura do mar Vermelho à vara de Moisés, o que é ridículo. Não é o objeto que torna a pessoa apta a fazer os milagres, é a unção que está sobre a vida dela, se fosse o objeto qualquer um que usasse a vara de Moisés ou que pegasse o manto de Elias faria os mesmos milagres de Moisés, Elias e Eliseu (mesmo após a morte deles), e isso obviamente nunca aconteceu. Mesmo a arca da aliança, que continha a presença do próprio Deus, foi completamente inútil para vencer uma batalha quando os israelitas a usaram como um amuleto (1Sm 4:3-11), imagina um objeto "sagrado" dessa rapaziada da nossa época.

      Excluir
    4. Sim, mas como eles são cheios de misticismo vão dizer que o pano tem magia do Wingardium leviosa embutido.

      Excluir
  64. Lucas ficou sabendo que a internet tem um padroeiro ttps://history.uol.com.br/noticias/padroeiro-da-internet-com-milagre-realizado-no-brasil-sera-beatificado-na-italia Mais um ótimo motivo para ser mortalista ķkkk.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ufa, que sorte a nossa que agora temos um padroeiro da internet, já pensou o que seria de nós se não tivéssemos? Não consigo nem imaginar a internet sem um padroeiro. Espero que agora no mínimo a minha internet deixe de cair, era o que eu estava precisando.

      Excluir
  65. Li em algum lugar sobre essa noticia do tal padroeiro da internet que "os cristãos falam dos pagãos mas ficam idolatrando morto", o que é interessante, visto que católicos de fato são necromantes, a questão é generalizar isso para os cristãos protestantes também. Raramente eu vejo algum católico ser ofendido por algo que evangélico fez (o povo do mundo sabe que dizimo e pastor malandro é coisa de "crente" e "evanjegue" embora os católicos também tenham isso, mas em menor quantidade), agora já vi muitos protestantes serem criticados por coisas que católicos fazem, já vi até pagãos falarem que "os cristãos criticam nós, mas eles tem um santo para cada situação, comem carne e sangue um dia especifico da semana que os mantem vivos" coisa só de católico, mas eles falam cristãos e ai quem lê pensa que se trata do cristianismo em geral mesmo. Eu sempre me perguntei também Lucas como poderá haver perseguição contra os cristãos mundialmente no fim dos tempos, ai eu posso ver que sera através das difamações como sempre ocorreu contra os cristãos, e quem mais contribuiu para isso infelizmente são alguns grupos evangélicos que você já sabe de quem estou falando (um comentário acima até explicou isso, embora eu não concorde com as definições), e os católicos que mataram milhares de pessoas e os ateus falam como se os protestantes fizessem parte dos massacres. Assim como as seitas gnósticas difamavam o nome dos cristãos, estes grupos hoje em dia difamam o nome do cristianismo e isso se divulga muito mais rapido com internet e televisão.

    Ja percebeu também que a teologia da prosperidade e da missão integral podiam se unir em uma coisa só? Se as pessoas doassem pra igreja QUANTO QUISEREM, sem ser estabelecido um numero fixo (de 10 % como fazem muitas) e sem serem constrangidas a fazerem isso, mas doarem quando pudessem e quanto quiserem, exatamente como na igreja antiga, isso contribuiria em muito, porque hoje em dia os cristãos ficam dando dinheiro achando que vão ganhar bençãos, uma grande maioria só da dizimo esperando receber algo em troca e não por caridade, este é o grande erro da teologia da prosperidade, ensinar que as pessoas devem dar dinheiro para receber coisas, quando deveria ensinar que elas podem doar dinheiro por caridade apenas, que é dar sem receber, e a igreja também deveria manter transparência sobre o dinheiro, e não manter tudo oculto para encher os bolsos dos pastores. Ja a teologia da missão integral esta certa no sentido de ajudar necessitados, mas seu erro é em querem criar politicas sociais, que precisam de impostos e assim de dinheiro de pessoas que não querem fazer parte disso, a igreja deveria doar seu próprio dinheiro arrecadado para fazer estes projetos, e não o governo, alem disso a proximidade que as igrejas de missão integral desenvolvem com o governo faz eles apoiarem toda questão dos LGBTs, como a Elca (uma igreja luterana), alem disso, esse da missão integral parece até teologia católica, como se a caridade fosse um ato que pode te garantir a salvação (o cristão pode pecar quanto quiser, basta ajudar na caridade que esta tudo limpo e tudo justificado), deveria haver um balanço, de pessoas que doam o quanto quiserem sem esperarem nada em troca, e a igreja poderia ajudar socialmente e expandir a obra do evangelho, sem se distanciar da pregação (coisa que a M.I esquece) e sem ficar obrigada a obedecer normas do governo que ela teria jurado aliança (como as tradicionais da europa) pois bastava não fazer aliança com partidos pois não há necessidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua colocação sobre a teologia da prosperidade e a TMI foi extremamente precisa, de fato quem dá o dízimo porque quer receber algo em troca trata Deus como se fosse um banco que devolve com juros ou uma ação na Bolsa de Valores que vai se valorizar e receber de volta em dobro (como muitos deles afirmam que Deus faz), e isso não apenas é propaganda falsa como ainda estimula os cristãos a serem gananciosos, a darem apenas na expectativa de receber algo a mais em troca, como se estivessem fazendo uma engenharia financeira, não por genuína caridade e amor pelo próximo e pela obra de Deus. Mesmo que em muitos casos Deus possa prosperar quem é generoso com as finanças, isso não deveria ser apresentado como o motivo para se doar ou dizimar, nem colocado como se fosse uma regra (se fosse assim não existiria cristão dizimista no mundo passando necessidade).

      Excluir
  66. Lucas, (não sou terraplanista) mas como que as pessoas do mundo inteiro vai ver a volta de jesus na terra redonda?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na terra plana também ninguém consegue ver o céu de todas as partes do mundo ao mesmo tempo, se fosse assim nós deveríamos conseguir ver o sol e a lua onde quer que eles estivessem, para não falar do monte Everest e etc. Sendo a terra plana ou esférica, a volta de Jesus será visível a todos os olhos porque os olhos espirituais serão abertos, não pelo olhar físico.

      Excluir
  67. Paz do Senhor
    Lucas vamos falar serio: esse ano(tirando a pandemia) esta sendo bem interessante,vimos a igreja da cachaça, "santo" de jeans e moletom, santo da internet e agora "mulhaer-demonia temente a Deus",ate o fim do ano será que vamos ver um ET se convertendo?
    https://br.noticias.yahoo.com/mulher-demonia-vive-litoral-sp-casada-diabao-diz-ser-temente-deus-134417611.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "...'Mulher demônia' vive no litoral de SP e é casada com Diabão: 'Mas sou temente a Deus'"

      "...Atualmente, Carol tem quatro modificações extremas: pigmentação dos olhos, divisão da língua, dentes com coroas metálicas e chifres na testa, sua alteração favorita, que lhe renderam o apelido de 'mulher demônia'. Apesar da fama, ela diz ser temente a Deus e pediu aos Céus uma orientação antes de realizar o procedimento. 'Conversei com meu marido e oramos para pedir ajuda para Deus. Já me questionei por medo em relação ao nosso Senhor. Entendemos que Ele não é assim e não julga por isso...'"

      Sem palavras xD

      Excluir
  68. Lucas, como fazer um demnoio se manisfestar em uma pessoa, pra sabe se esta possuida?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso geralmente acontece quando alguém com autoridade espiritual impõe as mãos sobre outra pessoa e repreende o demônio ordenando-o que saia (como Jesus fazia). Existem pessoas que tem o dom de discernimento de espíritos e conseguem saber quando alguém está possuído por um demônio antes mesmo do demônio se manifestar, mas mesmo no caso dos que não tem esse dom, podem orar repreendendo qualquer mal que esteja na pessoa e se tiver um demônio ali ele pode se manifestar.

      Excluir
  69. Oi Lucas. No facebook vi um post de uma página protestante que eu sigo sobre aquela questão de Pedro ser Petros e Jesus ser Petra. Mas alguns católicos começaram a colar um texto(como eles sempre fazem) de um tal livro "150 respostas católicas para ataques protestantes" ou algo assim. Queria saber se a afirmação do texto procede ou se é só mais um sofisma. O texto está abaixo.

    "Pedro é Pedrinha?

    1. Mesmo se fosse, Nosso Senhor ensinou que Reino dos Céus começa do tamanho do grão de mostarda, logo, mudanças grandes começam em pequenas coisas.

    2. " Os Protestantes afirmam que católicos desvirtuam este versículo.
    Dizem que para entender (Mt 16, 18), é necessário ir do português para o grego. Falam também que "Em grego, a palavra para pedra é "petra", que significa uma rocha grande e maciça. A palavra usada como nome para Simão, por sua vez, é "petros", que significa uma pedra pequena, uma pedrinha."

    Na verdade, todo este discurso é FALSO. Como sabem os conhecedores de Grego, as palavras "petros" e "petra" eram SINÔNIMAS NO GREGO DO PRIMEIRO SÉCULO. Elas significaram "pequena pedra" e "grande rocha" em uma velha poesia grega, séculos antes da vinda de Cristo, mas esta distinção já havia desaparecido no tempo em que o Evangelho de São Mateus foi traduzido para o Grego. A diferença de significado existe, apenas, no grego ático, mas no Novo Testamento foi escrito em Grego Koiné -- um dialeto totalmente diferente. E, no Grego Koiné, tanto "petros" quanto "petra" significam "rocha". Se Jesus quisesse chamar Simão de "pedrinha", usaria o termo lithos."

    3. "Ora, devemos ir do português para o Grego. Mas, com certeza, devemos ir do Grego para o Aramaico. Porque esta foi a língua falada por Jesus, pelos apóstolos e por todos os judeus da Palestiniana.

    Ex: Na Cruz, Cristo diz: "Eli, Eli, Lama Sabachtani". Isto não é Grego, mas Aramaico e significa: "meu Deus, meu Deus, porque me abandonaste?"

    Nas epístolas de São Paulo em Gálatas e em 1 Coríntios, preservou-se a forma aramaica do novo nome de Simão. Em nossas Bíblias, aparece Cefas. Isto não é Grego, mas uma transliteração do Aramaico Kepha (traduzido por Kephas na forma helenística)."

    4. "E o que significa Kepha? Uma pedra grande e maciça, o mesmíssimo que "Petra". A palavra aramaica para um pequena pedra ou pedrinha é evna. O que Jesus disse a Simão em (Mt 16, 18) foi: "TU ÉS KEPHA E SOBRE ESTA KEPHA CONSTRUIREI MINHA IGREJA."

    O engraçado é que todos eles copiaram e colaram esse mesmo texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essas questões já foram abordadas neste artigo:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com/2014/01/estudo-exegetico-completo-sobre-mateus.html

      Mas para responder resumidamente:

      1) Isso não responde por que Jesus usou duas palavras diferentes com significados diferentes em Mateus 16:18. Se ele estivesse se referindo a Pedro, teria usado petros ou petra nas duas ocasiões. Se ele distinguiu, é porque o referencial era outro.

      2) Todos os léxicos do grego atestam a diferença no grego koiné, portanto ela não havia desaparecido. E Jesus não chamaria Pedro de "lithos", porque ele se chamava petros e não lithos. Era parte do jogo de palavras chamá-lo de petros.

      3 e 4) Em primeiro lugar nós não sabemos quais palavras Jesus teria usado em aramaico, justamente porque o aramaico não existe, nós só temos a versão grega. Inclusive há quem defenda que Jesus teria usado a palavra shu'a em vez de kephas, na segunda parte da frase (o que explicaria a distinção que Mateus fez entre petros e petra, com o objetivo de manter a distinção existente no aramaico em que Jesus falou). Você pode ver uma argumentação neste sentido neste fórum católico (em inglês):

      https://www.phatmass.com/phorum/topic/37014-shu39a-petros-petra-lithos-all-those-fun-words/

      E mesmo se Jesus tivesse dito kephas e kephas, isso não anula a distinção que Mateus fez no grego, e que ele fez por uma razão. Um exemplo é a palavra "amor", que é a mesma em aramaico, mas que João distinguiu entre ápage e fileo, quando Jesus pergunta a Pedro três vezes se "tu me amas" (as primeiras duas vezes como "ágape", e na última desce para "fileo", indicando que Pedro não amava Jesus o suficiente naquele momento). Ou seja, os evangelistas podiam distinguir uma palavra de outra para enfatizar alguma diferença, mesmo quando essa diferença era imperceptível no aramaico (devido à pobreza do idioma). Adicionalmente, evna não era usada nos tempos do Novo Testamento, por isso não consta na Peshitta nem em versão aramaica alguma da Bíblia.

      Excluir
  70. Lucas, como as pessoas que nunca ouviram falar de jesus podem ser salvas? por exemplo pessoas que vivem em ilhas isoladas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu escrevi sobre isso aqui:

      http://ateismorefutado.blogspot.com/2015/04/o-destino-dos-povos-nao-alcancados.html

      Excluir
  71. http://shamelesspopery.com/how-strong-is-the-strongest-argument-against-catholicism/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=how-strong-is-the-strongest-argument-against-catholicism

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. I did not understand the purpose of the article. He only quotes an argument briefly, without endorsing or refuting it.

      Excluir
  72. kkkk nunca vi um artigo do Wikipédia mais católico que esse: https://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_Rainha, foi literalmente escrito por um apologista católico de internet, inclusive é dito que "a Bíblia chama de Nabucodonosor e Artaxerxes de rei dos reis, e isso não impede que Jesus também seja chamado de Rei dos reis, logo Maria também pode ser chamada de Rainha dos Céus", sendo que os dois reis mencionados eram chamados reis dos reis POIS ERA OS TITULOS QUE ELES RECEBEIAM NA ÉPOCA. Não existe doutrinha nenhuma que sustente que eles eram rei dos reis, pois somente Cristo é assim, mas eles são considerados rei dos reis pelos povos que os seguiam, por isso a bíblia chama eles por este mesmo titulo, não quer dizer que ELA APOIE CHAMAR ASSIM. É incrível o nível que chegou a apologética católica. Inclusive eles colocam no final que Lutero não tinha o "pensamento dos protestantes atuais". Não estudei Lutero além do básico, mas mesmo que seja verdade, isso não quer dizer nada, pois ele não é o papa dos protestantes (como esse artigo faz parecer).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os artigos teológicos da Wikipédia em português são puro lixo, é mais podre que site de apologética católica, quando não está fazendo proselitismo católico está defendendo as maluquices da teologia liberal, parece que a única coisa que os editores proíbem é o pensamento evangélico conservador (ou mesmo a imparcialidade). De todo modo, só quem é muito retardado baseia o seu conhecimento no Wikipédia, o problema é que gente burra é o que menos falta em um país como o Brasil e isso acaba influenciando muito néscio por aí (que depois sai anunciando "conversão" ao catolicismo por causa da patrística quando nunca leu porcaria nenhuma além de uma dúzia de blogs católicos de fundo de quintal e esses verbetes vagabundos da Wikipédia feita pelos mesmos caras).

      Excluir
  73. https://youtu.be/ZE4yhcJtQEQ

    Então lá estava eu, assistindo videos no youtube, ate que caiu uma propaganda que era basicamente esse video, o'que você acha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Achar que a sexualidade é fruto do meio em que vive (como se alguém fosse hétero só porque a sociedade é assim) é muita ingenuidade ou má-fé, se fosse por isso a heterossexualidade não seria o natural também no reino animal (inclusive para os animais que agem puramente por instinto). A atração que um homem sente pelo gênero oposto e vice-versa é algo biológico, ninguém precisou "ensinar" que tem que gostar de menina e não de menino, o sentimento simplesmente veio, é um processo natural e não algo racionalizado. O que acontece é que tanto no reino animal como entre seres humanos há uma minoria geralmente pequena com uma predisposição contrária, não é o caso de discutir se é doença ou não, mas claramente é algo que foge à tendência natural do ser humano. E nem sequer é preciso usar um argumento religioso aqui (do tipo "Deus criou assim e fim de papo"), mesmo se a evolução for verdadeira ela apenas ajudaria a corroborar o porquê que a heterossexualidade é o natural, já que apenas um macho e uma fêmea podem procriar e evitar que a espécie seja extinta, então a atração pelo sexo oposto seria um mecanismo natural do cérebro ao longo de milhões de anos de evolução e adaptação.

      Excluir
  74. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele quis dizer que era para os discípulos curarem os doentes e ressuscitarem os mortos.

      Excluir
  75. O artigo chegou aos 200 comments e por isso a caixa de comentários daqui será fechada. Quem quiser postar um novo comentário ou responder a algum daqui, fique à vontade para fazer no artigo mais recente 👍

    ResponderExcluir