18 de março de 2018

120 Como um apologista católico desonesto e picareta mente descaradamente para difamar Lutero



Há poucos dias postei no blog um artigo sobre as difamações a Lutero, extraído do meu livro sobre a Reforma (ainda em construção). Se você ainda não leu, recomendo fortemente que o leia antes de prosseguir a leitura deste aqui, pois o mesmo é fundamental para entender a mentalidade da apologética católica depravada e imoral em sua ânsia de insultar, difamar, atacar e caluniar os reformadores protestantes a todo e a qualquer custo, mesmo quando até os historiadores católicos modernos os desmentem. Mas achei necessário acrescentar este artigo dando exemplos práticos de como age a desonesta e rasteira apologética católica nos dias de hoje. E em se tratando de embusteiros, ninguém melhor para personificar isso do que Cris Macabeus – o “Macabesta”.

Cris Macabeus, para quem não conhece (e ninguém deve conhecer mesmo), é um grosseiro apologista católico doente e decadente, com sérios traços de psicopatia e cujo fanatismo supera qualquer limite. Nas antigas comunidades do Orkut costumava ofender as debatedoras evangélicas chamando-as de “vagabundas” e “prostitutas”, e em tempos mais recentes escreve coisas desse tipo (clique na imagem para ampliar):




Ele tem um site abandonado que ninguém lê e um canal no Youtube cujos vídeos com dificuldade conseguem passar de cem visualizações (exceto quando é pra falar mal da CNBB ou quando se apropria do nome do Yago Martins para ganhar views). Sua vida como um todo consiste unicamente em perseguir e atacar os protestantes com discursos de ódio e fanatismo cego, e esse ódio aos evangélicos só é superado pelo seu ódio mortal à gramática, razão pela qual jamais acertou uma vírgula em lugar nenhum de nenhum artigo que já escreveu até hoje. Sua completa incapacidade de redigir um texto simples e seu semianalfabetismo confesso o obrigou a abandonar os artigos e começar a fazer os videozinhos que ninguém assiste.

Seu maior projeto de vida é receber uma resposta do Yago Martins, que sequer sabe da sua existência, e sua insignificância apologética me levou a ignorá-lo sumariamente nos últimos tempos, mesmo sofrendo ataques e provocações contínuas às quais não respondo por clemência (para se ter uma ideia do nível de desespero do cidadão, meu nome é mencionado mais lá do que aqui). Mas dias atrás me deparei com um desses videozinhos que me deixou estupefato. Coloquei logo na metade do vídeo para pular tanta baboseira e logo de cara me deparo com essas supostas citações de Lutero:


Aos 21:28 deste vídeo, ele solta a pérola:

“Preste atenção no que os próprios luteranos escreveram. Tudo isso aqui foi escrito ou por Lutero ou por luteranos. NÃO SÃO DOCUMENTOS CATÓLICOS, são documentos da Igreja Luterana”

Preste atenção nas “fontes” que o camarada usa. O cidadão mal sabe ler em português, e quer que acreditemos que anda lendo livros em francês que ele obviamente não viu nem a capa. Essa é, aliás, a característica número um de gente ignorante que não tem o hábito de ler livros: começa a citar livros que nunca leu, a fim de que os leitores néscios pensem que se trata de um grande “estudioso”. Pegue qualquer artigo dele com temática histórica e compare com os meus: enquanto os meus estão recheados de centenas de fontes históricas, de livros que passei anos lendo (e não só de citações copiadas de um blog qualquer), e organizadas de acordo com as normas acadêmicas, os dele ou não tem fonte nenhuma, ou quando tem é esse tipo de porcaria aí, de livros que nunca leu e que são citados de qualquer jeito, que seriam simplesmente ridicularizados academicamente. É realmente o suprassumo da mediocridade.

Vamos aos fatos: primeiro, NENHUMA DESSAS CITAÇÕES É DE UM LIVRO DE LUTERO. Isso está óbvio a qualquer pessoa que tenha visto as tais “fontes” que o embusteiro usa. Ele escreve “(Lutero)” ao final de cada citação, mas na verdade a referência da primeira é: Marie Carré, Jai choisi lunité – D. P. F., 1973, apud Lex Orandi: La Nouvelle Messe et la foi, Daniel Raffard de Brienne 1983. Como vemos, não é de Lutero, mas dessa tal “Marrie Carré”. Até aí você pode dar um desconto, porque ele disse que era “ou de Lutero ou de luteranos”, então vai ver essa Marie Carré é uma luterana.

Só que não.

Pesquise sobre ela, e você encontrará o seguinte:

Como se vê, embora ela tenha nascido protestante, ela se tornou uma FREIRA e passou a fazer propagandismo tradicionalista católico. Ela se converteu em 1964, e a obra citada por ele no vídeo é de 1973, ou seja, de quando ela já era católica há vários anos e se prestava a fazer esse tipo de proselitismo católico baixo. Aqui já se encontra a primeira mentira diabólica: diz que “todas as citações são de Lutero ou de luteranos”, quando na verdade são de uma freira católica tradicionalista – e seus seguidores trouxas sequer desconfiam disso, pois acreditam piamente no que o charlatão diz pra eles.

Mas isso não é o pior. Note que as duas citações que ele deu são na verdade citações de citações - o famoso “apud”, que o Macabesta não faz a menor ideia do que seja, mas quem é do meio acadêmico sabe que significa “citação de citação”:


Ou seja, ele não tem nenhuma citação de Lutero, mas sim uma citação presente em um livro francês que ele nunca leu, escrito por uma freira chamada Marrie Carré, que ele também não conhece. Mas essa Marrie Carré também não citou nada de um livro de Lutero, mas de um outro lugar. Esse outro lugar também não é nenhum “livro luterano”, mas sim de um outro católico tradicionalista fanático chamado Daniel Raffard de Brienne:


Usando a tradução automática para o português, para quem não entendeu:


Em síntese, temos aqui uma citação de uma freira que não leu nada de Lutero, remetendo a um livro de outro «fervoroso católico», que também não trouxe nenhuma fonte primária. NADA DE FONTES LUTERANAS E MUITO MENOS DE LUTERO! De onde foi que essa besta tirou a ideia de que estava citando apenas Lutero ou luteranos, se claramente se tratam todos de autores católicos do século passado apenas difamando Lutero como o próprio Macabeus faz? A resposta é simples, caro leitor: mesmo jamais tendo lido nada de Marrie Carré e muito menos de Daniel Raffard de Brienne (apenas citado como apud), ele se acha no direito de MENTIR inventando descaradamente da cabeça dele que são autores protestantes ou obras de Lutero(!), porque em se tratando de apologética católica literalmente não há limites para enganar os otários que os seguem.

Na verdade, Macabeus apenas se aproveita do fato de que seus seguidores são zumbis acéfalos sem qualquer instrução, cultura, educação ou formação – ele sabe que se trata do tipo de gente mais inculta que jamais irá averiguar a veracidade das fontes, nem mesmo através de pesquisas simples no Google. Então se sente livre para mentir e inventar a estorinha que quiser. Eu nem perdi tempo assistindo o resto do vídeo, porque quando chegou à parte sobre indulgências as distorções históricas se tornaram tão grotescas e aberrantes que foi de dar nojo e embrulhar o estômago. Esse tipo de material é tão porco e lixo que não merece ser visto nem para se refutar. É o esgoto da internet. Padre Paulo Ricardo e Felipe Aquino (apenas para citar alguns exemplos), embora tão mentirosos quanto, jamais se prestariam a tamanho ridículo, como dizer que Lutero tinha quatro esposas. A coisa chegou literalmente ao nível da enfermidade mental, e não pode ser explicada meramente pelo fato do sujeito nunca ter aberto um livro de história na vida. É um caso sério para se pensar em internação compulsória.

Apologistas católicos como Cris Macabeus jamais leram NADA de Lutero. Se você encontrá-los na rua e lhes perguntar o título de duas obras de Lutero, eles vão se enrolar e não serão capazes de citar o nome sequer de uma. Eles também jamais leram qualquer uma das obras que citam para difamar Lutero – é por isso que as citações são sempre as mesmas que os blogueiros católicos copiam uns dos outros. Suas citações nunca vêm com fonte primária de nada, nunca sequer vem com fonte secundária que remeta por sua vez a uma fonte primária. Não sabem o nome de um historiador sério, porque nunca leram nenhum.

O picareta quer provar que Lutero era um “imoral malvadão” e não tem nenhuma citação de Lutero, apenas citação de citação de uma fanática católica do século XX citando o que é dito no livro de um outro fanático católico do século XX. É a esse nível de mediocridade que chegou a apologética católica brasileira. E o pior é ver o mentiroso embusteiro ainda dizendo que essas citações são de “livros de Lutero ou de luteranos”, tentando passar a perna nos incautos. Não é apenas medíocre: é nojento. É um verdadeiro “vale-tudo” para atacar Lutero e difamar os reformadores a fim de fazer a Igreja Romana parecer menos monstruosa do que de fato é. É desonestidade atrás de desonestidade.

Ao apologista católico em questão, eu faço um apelo de coração: assuma que você tentou enganar seus leitores néscios e faça um vídeo de retratação, tirando aquela porcaria anterior do ar. É para tentar salvar um mínimo de dignidade, se é que esse tipo de coisa ainda é possível nesse meio. Se desculpe, delete o vídeo e não volte a fazer outro até colocar a cara em um livro de verdade, abrir e lê-lo. Aí sim, volte com as citações que você mesmo encontrou em livros que você mesmo leu, porque a coisa já ultrapassou os limites do ridículo. Eu sei que vocês se esforçam arduamente em mostrar ao mundo o quão baixa, medíocre e amadora a apologética católica é, mas vocês já conseguiram isso há muito tempo, não precisam mais disso. E da próxima vez que for caluniar alguém que não gosta, pelo menos faça isso depois de ler o material do mesmo, em vez de citar livros que nunca viu na vida e mentir sobre a religião dos autores para tentar passar um mínimo de credibilidade. Está feio demais. Em dez anos de apologética, nunca vi nada mais vergonhoso e vexatório.

Aos meus leitores: sempre que encontrarem uma citação de Lutero em algum blog católico de fundo de quintal ou por algum youtuber amador e meia-boca como o Macabesta, cheque a fonte para confirmar se a citação provém mesmo de algum livro de Lutero, ou se é ao maior estilo “citação de citação de citação de...”, que no final nunca remete a alguém mais do que um fanático católico mentiroso qualquer, da mesma índole que os autores desses materiais. E se por um milagre a citação tiver mesmo referência primária de um livro escrito por Lutero, consulte o que os verdadeiros estudiosos de Lutero (como James Swan, que lê Lutero há décadas e tem um blog só sobre o assunto) têm a dizer sobre isso, e não o que um youtuber vagabundo e desocupado qualquer, que jamais leu obra alguma do reformador, tem a dizer.  

A verdade é que os apologistas católicos estão desesperados com a quantidade volumosa e assustadora de monstruosidades papistas ditas expressamente em concílios, bulas e outros documentos oficiais da Igreja, preservados em sites católicos e em livros de historiadores católicos, e por isso precisam compulsivamente tentar “compensar” este problema inventando citações de Lutero extraídas de livros escritos mais de quatro séculos após sua morte, por católicos fanáticos que o detestavam. Em qualquer outra circunstância isso seria tido como uma jogada rasteira e criminosa de gente sem-vergonha, mas em se tratando de apologética católica é apenas o modus operandi habitual desse pessoal – o meio mais eficiente de se enganar palhaços, que é exatamente o mesmo pelo qual eles próprios foram enganados para se tornarem apologistas católicos.

Recomendado:

Paz a todos vocês que estão em Cristo.

Por Cristo e por Seu Reino,


- Siga-me no Facebook para estar por dentro das atualizações!


- Baixe e leia os meus livros clicando aqui.

- Acesse meu canal no YouTube clicando aqui.


ATENÇÃO: Sua colaboração é importante! Por isso, se você curtiu o artigo, nos ajude divulgando aos seus amigos e compartilhando em suas redes sociais (basta clicar nos ícones abaixo), e sinta-se à vontade para deixar um comentário no post :)

120 comentários:

  1. Faça um artigo sobre o Fernando Nascimento também. Afinal, onde ele se encontra? Sumiu? Nunca mais comentou nos seus blogs? Ótimo artigo. Parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse aí já foi tão surrado pelo Elisson Freire que dá até pena interferir. É como se você estivesse observando uma luta de boxe entre um lutador profisisonal e um zé ruela que não sabe o que está fazendo ali e está levando uma verdadeira porrada, dá até pena de entrar e bater mais, a gente sente dó, de verdade.

      Excluir
    2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    3. Anônimo do Avalie19 de março de 2018 17:27

      Avalie: https://youtu.be/Cy-cYjhbMbE

      Excluir
    4. Tirando um ou outro errinho (como ter passado vídeo do Asian Dynasties quando estava falando do classic) ou esquecimento (como a falta de menção ao WotTA, que é excelente, embora quase não jogado por ninguém, e do Napoleonic Age, um pouco mais jogado que o anterior), o vídeo está massa. Espero que o Age IV acabe com todas as possibilidades de cheaters que estragaram e continuam arruinando o Age 3, e que balanceiem um pouco mais as civilizações, para não deixar um noob como Fare_ ser pr 27 apenas porque joga com Japão.

      Excluir
    5. Anônimo do Avalie20 de março de 2018 18:14

      Noob significa iniciante.

      Excluir
    6. Anônimo do Avalie20 de março de 2018 18:15

      Avalie: https://youtu.be/HcIVqzHE1MA

      Excluir
    7. É um ditador falando sobre outros ditadores.

      Excluir
    8. Anônimo do Avalie22 de março de 2018 09:13

      Avalie: https://www.google.com.br/url?sa=t&source=web&rct=j&url=http://forum.jogos.uol.com.br/che-guevara-nao-matava-gays-informe-se_t_4135643&ved=2ahUKEwjknIC38f_ZAhUJkZAKHUVvA30QFjAAegQICRAB&usg=AOvVaw2ZN0-WwkUzhuGtnD8kY25O

      Excluir
    9. O próprio Jean Wyllys refuta ele:

      https://www.youtube.com/watch?v=ExgbuGuTtG8

      Excluir
  2. Se você lê a bíblia e crê que ela é inerrante e é a única verdade você se torna um protestante.
    Se você não lê a bíblia e não acredita que ela é inerrante, e acredita que a igreja e o papa são infalíveis você se torna católico.
    Ninguém é protestante porque acredita que Lutero era infalível, pois a nossa fé está em Jesus e não em algum reformador. Mesmo que todas a calúnias dos apologistas católicos fossem verdades, em nada abalaria a nossa fé.

    ResponderExcluir
  3. Avalie:

    https://www.youtube.com/watch?v=k5wZfRRuvj4

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um herege falando de outro herege, mas neste caso ele só disse verdades.

      Excluir
    2. "mas neste caso ele só disse verdades"

      Pois é. E se tratando do Fábio Sabino isso é difícil acontecer. Na maioria das vezes ele só fala besteiras.

      Excluir
  4. Cara sem palavras. Nota 100000000 pra vc

    ResponderExcluir
  5. Lucas, você pode me indicar bons livros ou artigos que falam a respeito dos livros apócrifos, de forma detalhada e completa? Tenho amigos católicos que costuman me fazer perguntas relacionadas à varios temas católicos, principalmente os livros apócrifos. Fique na Paz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Confira esses artigos:

      http://apologiacrista.com/desmascarando-os-livros-apocrifos-p12

      http://apologiacrista.com/desmascarando-os-livros-apocrifos-p2

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2017/03/respostas-rapidas-mitos-catolicos.html

      http://apologiacrista.com/dialogo-entre-evangelico-e-catolico-sobre-o-canon

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2013/06/os-judeus-e-o-canon-veterotestamentario.html

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2014/02/o-canon-biblico-dos-judeus.html

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2013/06/heresias-lendas-mitos-e-absurdos-nos.html

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2012/08/os-livros-apocrifos-admitem-que-sao.html

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2015/10/lutero-retirou-sete-livros-da-biblia.html

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2015/10/a-lenda-do-canon-alexandrino.html

      http://conhecereis-a-verdade.blogspot.com.br/2010/01/o-canon-do-antigo-testamento-antes-do.html

      http://conhecereis-a-verdade.blogspot.com.br/2010/01/evidencia-do-canon-hebreu-antes-da.html

      http://conhecereis-a-verdade.blogspot.com.br/2010/01/o-canon-do-antigo-testamento.html

      http://respostascristas.blogspot.com.br/2017/03/o-canon-do-antigo-testamento-de.html

      http://respostascristas.blogspot.com.br/2017/03/o-canon-do-antigo-testamento-de_20.html

      http://respostascristas.blogspot.com.br/2017/03/o-canon-do-antigo-testamento-de_8.html

      http://www.e-cristianismo.com.br/teologia/bibliologia/canon-do-velho-testamento-de-jeronimo-a-reforma.html

      Abs!

      Excluir
  6. Lucas vc poderia refutar esse artigo aqui mesmo do Daniel me explicando quem é essa rainha a direita do rei

    http://imperiomariano.blogspot.com.br/2018/03/nossa-senhora-estar-direita-de-cristo.html?m=1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso já foi respondido aqui:

      http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2017/10/o-celibato-obrigatorio-do-clero-e.html?showComment=1507950097241#c6450533173646994616

      Excluir
  7. Nossa esse sujeito só me fez lembrar de um cara que tinha na minha sala da faculdade que era católico fanático, dizia pra todo mundo da sala que o catolicismo era a religião verdadeira, gritava com quem contrariava ele, e chegou a chorar uma vez na sala de aula porque o professor criticou o catolicismo (todo mundo tinha que concordar com ele...). Sério, tem muito desequilíbrio mental na cabeça dessas pessoas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo menos o fanatismo de hoje é neste sentido de passar vexame e vergonha como esse menino e o Macabeus, enquanto o fanatismo do passado (quando eles tinham o poder político em mãos) era de assassinar sistematicamente os que discordavam deles. Ta aí uma razão muito boa para não permitir que esse tipo de gente consiga voltar a ter a relevância que tinham antes. Houve uma época em que a palavra desses caras era inquestionável; hoje em dia no máximo servem para nos divertir, como macaquinhos de zoológico.

      Excluir
  8. Lucas, pra começo de conversa, a maioria desse pessoal, de cristão, possui quase nada, o que torna inviável qualquer tentativa de diálogo. Pra mim, é perca de tempo dá atenção a essa gente. Nas palavras de Jesus é dar aos cães as coisas santas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, dialogar com gente desse nível é perda de tempo, mas às vezes é preciso desmascará-los para que não continuem enganando os incautos e parem de mentir por aí (ou pelo menos que mintam menos).

      Excluir
  9. Uma vez eu discuti com esse mala na internet. Os argumentos são ridículos, e com trinta segundos já começam a te xingar. São iguais aos valentões da quarta série, se acham os bonzãos, mas são uns poodlezinhos fru-fru que não atacam, ficam latindo de longe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É exatamente isso. Eles sabem que são anêmicos intelectualmente e com argumentos totalmente medíocres, então PRECISAM compensar essa fraqueza com intimidações, ameaças, ofensas e xingamentos a fim de deixar o oponente assustado ou acuado em um debate. São o lixo da internet.

      Excluir
    2. Detalhe, eles sabem que não vamos retrucar. Sabem que não vamos descer ao nível deles. Então se aproveitam disso para forçar o evangélico a aguentar sem ofendido a todo o tempo sem fazer nada (o que é humanamente impossível), ou descer ao nível deles (o que não iremos fazer), ou abandonar o debate (que é tudo o que eles querem). Ou seja, tentam usar a nossa moral superior contra nós mesmos, já que o código de ética deles é bem diferente (o próprio sujeito asqueroso que é refutado nesse artigo já disse que pode xingar à vontade do que quiser, que um dia ele "dá um jeito" com Deus no juízo).

      Excluir
  10. Muito bem feito, Lucas. Claro, breve e objetivo.

    Assim são as fontes desse apologista: TODAS duvidosas, sem contar quando ele pega apenas uma linha de um artigo seu, meu, ou de outro apologista evangélico, que contém mais de três mil caracteres, e tenta refutar.

    Os leitores dele jamais terão noção alguma sobre o que veio antes e depois daquilo que escrevemos.

    O que ele deseja é sair a qualquer custo do enrolo doutrinário que ele se meteu.

    Parabéns pelo artigo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem assim. Como o sujeito é desonesto por natureza, nunca mostra ou refuta um artigo por completo, em vez disso pega breves trechos, faz uns comentários patéticos e delirantes em cima dos mesmos - que já são refutados no próprio artigo em si - e então canta "vitória" para a meia dúzia de leitores burros que possui. É "machão" atrás de um computador falando consigo mesmo, mas na única vez em que debateu com um evangélico sobre o seu próprio assunto de "especialidade" e num canal católico, passou tanta vergonha que teve que fazer uns duzentos vídeos se explicando depois. Realmente deplorável.

      Excluir
    2. Ele refuta até as profecias dos santos da Igreja Catolica sobre o fim dos tempos.

      Já mandou para o espaço a Santa La Salete, Santa Faustina, São Francisco e suas profecias sobre a grande apostasia, Santo Ambrósio, São Nilo, Santa Brígida, Elizabetta Canori, Santa Ana Maria Taigi, sem contar as profecias de Deles (nossa é que não é) Senhora sobre o fim do mundo.

      Nada para o Macabeus é verdade!

      Excluir
    3. Mas mesmo assim ele é um Babilônico. Ele é oriundo da Caldéia, terra dos Caldeus.

      Devia se chamar Cristiano Macaldeus

      Excluir
  11. Deixa o versículo aqui. Vamos ver o que ele vai fazer com isso

    "Babilônia há de cair pelos mortos de Israel, assim como por Babilônia têm caído os mortos de toda a terra", Jer 51:49.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele vai dizer que Babilônia é Jerusalém que há de cair pelos mortos dela mesma. "Jênio"!

      Excluir
  12. Grande Banzolão, esse é meu garoto, sempre arrebentando a boca do balão!! Continue realizando esse excelente trabalho. Não desfaleça, pois O Senhor é contigo HOMEM DE DEUS!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é seu pai banzoli?

      Excluir
    2. "é seu pai banzoli?"

      Não sei se a pergunta foi séria, mas a resposta é não...

      Excluir
    3. Acho que o anônimo perguntou se era seu pai, talvez por causa da expressão "esse é meu garoto" usada pelo outro.

      Excluir
  13. Um católico pode ser salvo se seguir o sistema doutrinário da igreja católica? Assisti uma pregação do Pastor Reformado Paul Washer onde Ele dizia que um católico salvo não pode permanecer mais dentro do catolicismo, pois o Espírito Santo leva-o á sair de lá. qual sua opinião? Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso como o Paul Washer. É possível haver salvação dentro do catolicismo através da ignorância de pessoas pouco instruídas, da mesma forma que é possível haver salvação em povos indígenas que nunca ouviram falar de Jesus, mas não a partir do momento em que se conhece a verdade e decide permanecer no engano. Conheço muitos casos de católicos que começaram a ler a Bíblia e se tornaram evangélicos (na verdade quase todo mundo que começa a praticar essa atividade abandona a ICAR), os que continuam mesmo assim é por teimosia, cegueira ou desonestidade.

      Excluir
    2. Pode parecer contraditório, mas pra mim, o critério de salvação está nas mãos de Deus. Ele nos salva conforme a sua vontade.. Somos reféns da misericórdia divina... O resto é confete.

      Excluir
    3. Está nas mãos de Deus sim, mas Ele nos revela muito disso em Sua Palavra, de onde extraímos os critérios. Certamente teremos surpresas no dia do juízo, mas provavelmente não uma do tipo universalista, em que alguma falsa religião consegue trazer milhões para um "céu ecumênico".

      Excluir
    4. Com certeza, Lucas. Na verdade a idéia que eu gostaria de passar é que a salvação não é patrimônio de nenhuma vertente cristã (como pensam os católicos) e não a idéia de que Deus será bonzinho com todos (como pensam os universalistas ecumênicos).

      Excluir
    5. "Conheço muitos casos de católicos que começaram a ler a Bíblia e se tornaram evangélicos (na verdade quase todo mundo que começa a praticar essa atividade abandona a ICAR), os que continuam mesmo assim é por teimosia, cegueira ou desonestidade."

      Ou continuam por idolatria...conheço muitas pessoas católicas que não largam o catolicismo por conta da idolatria (acontece que a idolatria é um pecado difícil de largar - por incrível que pareça - e precisa de muita oração, porque quando a pessoa tá envolvida com a idolatria pesada - que é o caso das pessoas que eu conheço, que se ajoelham pra virgem Maria, pra santo Antônio -, é muito difícil de largar...eu não sei explicar mas é como se a idolatria fizesse com que a pessoa ficasse agarrada a um bichinho de pelúcia por exemplo kkkk (pra representar uma imagem de escultura adorada pelos católicos), e quando você fala que é pecado se prostrar diante de imagens, essas pessoas ficam ofendidas porque é como se retirassem esse bichinho de pelúcia à força e essa pessoa fosse sentir muita falta desse bichinho. É muito difícil explicar o que é idolatria na prática, mas idolatria vai muito além de se ajoelhar perante uma imagem, pelo contrário, esse ato faz com a pessoa fique envolvida em vários sentimentos enganosos...Acho que deu pra entender o que eu quis dizer. Hoje eu tento orar + por essas pessoas do que ficar só falando que é pecado, porque o contexto da idolatria é complexo - só mesmo Deus pra convencer a pessoa do pecado e da verdade).

      Excluir
    6. Anônimo, desculpe me intrometer na sua conversa. Sabes o que é salvação? Salvação significa a morte do velho homem.

      Jesus, como o último Adão, reconciliou o homem com Deus, como diz Paulo. Ou seja, o velho homem morreu na Cruz. O velho Adão morreu (Rm 6:6).

      Isso significa que existe uma nova criação. Esse é o significado de Col 1:15-17. O verso 15 diz Que Cristo é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação".

      AQUI é a nova criação que começou com a ressurreição de Cristo. Por isso a Bíblia diz que os crentes são novas criaturas. Ou seja, o velho Adão já era. Jesus é o novo homem:

      Efésios 2:15, diz, "na sua carne, desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz".

      Isso que é nascer de novo, nascer do alto.

      Acabou. Ele fez tudo. Por isso ele bradou da Cruz: Está consumado!

      Nós aguardamos a redenção do nosso corpo, como disse Paulo. Isso é graça de Deus.

      "Pela graça sois salvos, por meio da fé. Isso não vem de vós, é dom de Deus"

      Leia meu artigo que você vai entender melhor

      https://nascidodemulher.wordpress.com/2013/09/22/tudo-foi-criado-por-ele/


      ,

      Excluir
    7. Sim, esses casos da idolatria eu incluo na parte da "cegueira" espiritual. A maioria não tem consciência total de sua própria idolatria por mais óbvia que seja. É como o "véu" que cobre a mente dos incrédulos como Paulo disse em 2Co 3:15 e 4:4, e como este texto define bem:

      “Os ídolos deles, de prata e ouro, são feitos por mãos humanas. Têm boca, mas não podem falar, olhos, mas não podem ver; têm ouvidos, mas não podem ouvir, nariz, mas não podem sentir cheiro; têm mãos, mas nada podem apalpar, pés, mas não podem andar; nem emitem som algum com a garganta. TORNEM-SE COMO ELES aqueles que os fazem e todos os que neles confiam” (Salmos 115:4-8)

      Excluir
    8. Lucas, nesse caso, Marx tem razão ao afirmar que a religião é o ópio do povo?

      Excluir
    9. Essa coisa de salvação dentro da igreja católica é algo muito complicado. Claro, haverá suas surpresas no dia fatídico e não é porque alguém se diz “protestante” que automaticamente está salvo, nós sabemos que o joio é real e ele se mistura no meio do trigo e que apenas Deus é quem conhece o coração do homem verdadeiramente.
      Mas eu penso o seguinte: a Palavra nos da uma clareza a respeito do comportamento de um cristão e de um não cristão (“pelas obras conhecereis”).
      Tem muita gente dentro daquela instituição que é sim honesta mas perdida que chega doer. Outros são, realmente e sem sombras de duvidas, tão fanáticos que passam por cima da Palavra por plena e livre vontade, e não não querem Deus de modo algum se Ele estiver contra a adorada igreja católica deles.
      Mas quanto aqueles que são sinceros e estão lá dentro uma hora que eles terem conhecimento da verdade, tão alcançável nos dias de hoje, Deus o incomoda de uma maneira que ele sai dali uma hora ou outra. Isso foi o que ocorreu comigo. A igreja católica romana tem um discurso tão bonitinho, tão bonitinho quanto o do socialista, que simplesmente te hipnotiza e te suga de um jeito que é incrível.
      Eu rezava era pra Maria, Cristo era who pra mim. Com o tempo algo começou a mudar, e quando eu ia na missa eu me sentia ofendendo a Deus e de tão incomodada, eu, católica de berço (com crisma, procissões, catequeses, primeira comunhão e tudo que tem direito) já não me levantava do banco pra rezar o Ave Maria e então sai.
      A questão é que os ensinos são tão opostos que uma vez confrontado com o outro e depois de Deus ter aberto a visão de alguma maneira a pessoa terá que fazer uma escolha.
      Acredito tb que se a pessoa está totalmente na ignorância Deus relevará. Mas a partir do momento que lhe foi apresentado a verdade do Evangelho e este foi negado creio ser quase impossível a salvação.

      Excluir
    10. "Lucas, nesse caso, Marx tem razão ao afirmar que a religião é o ópio do povo?"

      Marx falava da religião em si, não de uma falsa religião em particular. E mesmo falsas religiões conseguem ser menos danosas do que o ateísmo radical marxista.

      Excluir
    11. "A questão é que os ensinos são tão opostos que uma vez confrontado com o outro e depois de Deus ter aberto a visão de alguma maneira a pessoa terá que fazer uma escolha"

      Concordo, é muito difícil mesmo uma pessoa querer continuar na ignorância depois de descobrir a verdade. O problema é que muita gente está totalmente desinteressada em "descobrir a verdade". Seguem uma religião específica por tradição familiar, acham cômodo permanecer no erro para não desagradar ninguém, e é muito difícil pra muita gente ir contra "tudo e todos", ainda mais em um país que ainda é majoritariamente católico. Para muitas pessoas, é simplesmente não-vantajoso procurar a verdade. São como aqueles que João disse: "...amavam mais a glória dos homens do que a glória de Deus" (João 12:43).

      Excluir
    12. Eu não entendo o que Marx quis dizer com a expressão "a religião é o ópio do povo". O que isso significa?

      Excluir
    13. O ópio é uma droga com efeito analgésico, que para Marx era uma analogia com o estado de "ilusão" que um religioso se encontra. Por isso logo após dizer que "a religião é o ópio do povo", ele diz que "a abolição da religião enquanto felicidade ilusória dos homens é a exigência da sua felicidade real". Foi isso que os marxistas tentaram fazer, abolir a religião.

      Excluir
    14. Ah sim. Entendi. Obrigado pela explicação.

      Excluir
  14. As pessoas vivem acusando os evangélicos de roubarem os fiéis (mais especificadamente os líderes neopentecostais), mas depois dessa... = https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/03/bispo-e-padres-sao-presos-acusados-de-desviar-r-1-mi-por-ano-de-diocese-em-go.shtml

    Não podem falar que só pastor rouba e que só os evangélicos fazem comércio da fé com os dízimos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se juntasse toda a riqueza de pastores ladrões como o Edir Macedo, não chegaria nem na planta dos pés de toda a riqueza que a Igreja Romana já acumulou até hoje por meio de extorsão, dízimos obrigatórios, venda de indulgências e padres corruptos.

      Excluir
  15. Você tá famoso, Lucas rsrs. Esse pastor aqui falou em você. Assista a partir de 10:44.

    https://www.youtube.com/watch?v=149IwRA3Pck

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade o Leandro Quadros me citou no final do vídeo abaixo, então outros adventistas que ainda não me conheciam passaram a me conhecer através dele:

      https://www.youtube.com/watch?v=EQEmUlUhE14

      Excluir
    2. em que minuto ele citou você

      Excluir
    3. No final do vídeo, último minuto.

      Excluir
  16. Lucas gostaria de dar uma sugestão de artigo : A relação do cristão com Lei ( de Moisés) . Esse e um tema bem intrigante não acha ?

    ResponderExcluir
  17. Olá Lucas parabéns pelo artigo desmascarando mais uma mentira desses apologetas católicos fanáticos, estou ansioso para ler seu livro sobre a Reforma, qual o prazo para ele ser lançado? Gostaria de te perguntar também qual a sua opinião sobre as igrejas luteranas atuais? Na sua opinião por que ficaram fechadas aos descendentes de alemães?Eu irei com meu irmão visitar a Igreja Luterana que fica em Santa Cecília, Igreja Martin Luther, olhei a página deles no Facebook e tem até culto em alemão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso não tem muito a ver com a Igreja Luterana em si, mas com qualquer igreja que concentre uma quantidade significativa de alemães. Há muito tempo atrás meus pais já congregaram em uma "igreja de alemães" que não era luterana mas também tinha culto em alemão em um horário e culto em português em outro horário. Na verdade os alemães parecem ter um espírito nacionalista bem mais forte do que os outros povos europeus em geral, por isso gostam de manter sua cultura mesmo fora do país, como que formando uma pequena "colônia alemã" no Brasil; um pedacinho da Alemanha em outro território.

      Excluir
    2. Sobre o livro da Reforma (acabei me esquecendo de responder), a minha previsão é para o final de maio. Mas é apenas uma previsão, pode ser mais cedo ou mais tarde, dependendo do quanto eu progrida na escrita a cada dia.

      Excluir
  18. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  19. Banzoli onde eu encontro as obras dos Pais da Igreja no original em grego?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só encontrei esses:

      https://www.amazon.com/Apostolic-Fathers-Greek-English-Translations/dp/080103468X/ref=redir_mobile_desktop?_encoding=UTF8&ref_=redir_mdp_mobile

      https://www.amazon.com/gp/product/080104801X/ref=as_li_ss_tl?ie=UTF8&camp=1789&creative=390957&creativeASIN=080104801X&linkCode=as2&tag=readthefathers-20

      https://www.logos.com/product/3937/the-apostolic-fathers-greek-texts-and-english-translations

      Online não encontrei nenhum.

      Excluir
    2. Vlw. Obrigado.

      Excluir
  20. Lucas você como carne de porco?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas você considera pecado comer? A proibição de comer carne de porco ainda é válida pra hoje?

      Excluir
    2. Vc não come fruta, não come verdura, não come legumes, não bebe leite e não gosta de carne de porco?

      Excluir
    3. Ha, tbm não come bala

      Excluir
    4. "Mas você considera pecado comer? A proibição de comer carne de porco ainda é válida pra hoje?"

      Não sei. Não tenho posição totalmente firmada sobre isso.

      "Vc não come fruta, não come verdura, não come legumes, não bebe leite e não gosta de carne de porco?"

      Exatamente.

      "Ha, tbm não come bala"

      Você tem uma excelente memória. Nem eu me lembrava disso.

      Excluir
    5. "Não sei. Não tenho posição totalmente firmada sobre isso"

      Eu também não tenho rsrs, mas, já que eu acho bom carne de porco, eu como. Carne de porco frita ou assada é maravilhosa. Errei lá em cima: eu queria escrever "Lucas você come carne de porco?"

      "Vc não come fruta, não come verdura, não come legumes, não bebe leite e não gosta de carne de porco?" "Ha, tbm não come bala"

      É sério isso? E você come o que então?

      Excluir
    6. Arroz, feijão e alguma coisa a mais (carne, frango, peixe ou algo do tipo).

      Excluir
    7. Se eu pudesse te dar um conselho como amigo (ainda que eu esteja em anonimato), eu recomendaria que vc acostumasse aos poucos a comer coisas mais saudáveis. até a adolescência eu não comia nada dessas coisas, também só comia arroz, feijão e carne. Mas vi que precisava mudar e comecei a acrescentar coisas aos poucos. Eu ainda não como tudo, mas aos poucos vc se acostuma e começa a gostar das coisas. Vc precisa pensar no futuro da sua saúde!!

      Excluir
    8. Mas eu não deixo de comer essas coisas por frescura ou opção, mas porque meu organismo não as aceita. É como se levassem você a comer aqueles bichos (às vezes vivos) que os chineses e outros asiáticos comem (inclusive cobras, ratos, insetos e etc), você não conseguiria comer mesmo se quisesse. E eu nunca fumei, nunca bebi e nunca me droguei, então mesmo sem ter uma alimentação muito "saudável" não sou uma pessoa que estrago com meu corpo.

      Excluir
    9. Entendo, não quero ser chato e por isso não vou me prolongar muito, até porque não estou na sua pele pra saber o seu caso, mas eu também não conseguia nem colocar um tomate ou cebola (mesmo não crua) na boca, meu estômago dobrava e colocava tudo pra fora, sentia ânsia e ninguém acreditava, ainda é assim co muitas coisas, achavam que era frescura. Espero que vc não desista de tentar experimentar e aos poucos se acostumar.

      Excluir
    10. Na verdade eu já tentei comer legumes uma vez, faz muito tempo mesmo mas tentei, e não deu certo. Enfim, eu preferiria gostar de comer de tudo e assim ter a alimentação mais saudável possível, mas não posso fazer muita coisa contra algo que acredito que seja genético.

      Excluir
  21. Banzoli, eu vi algumas pessoas na internet dizendo que é pecado baixar livros em PDF que encontramos grátis na internet. Segundo eles, se fizermos isso estamos prejudicando os autores, pois os mesmos publicam seus livros para que compremos, e eles tenham seus ganhos devidos. Para eles, os autores saem prejudicados, pois as pessoas baixam o PDF grátis e não compram as obras. O que você acha disso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei se posso falar por todos, mas a esmagadora maioria desses livros que se baixa em pdf na internet ninguém pagaria para comprar se não tivesse o pdf. Eu falo por mim mesmo, os livros que posso comprar eu compro, mas seria impossível comprar tantos livros. Ou seja, na prática o autor não está perdendo nada. Ele teria um livro não lido caso não existisse o pdf, e agora tem um livro lido com o pdf. Só isso. Agora, se a pessoa tem condições financeiras para adquirir os livros e mesmo assim decide apenas baixar, aí creio que seja um problema.

      Excluir
    2. Se foi editado em PDF e contínua disponível para baixar, então significa que pode ter sido autorizado pelo autor. As vezes o próprio autor faz isso. Ele ganha com clicks, propagandas e investidores.

      Pegar um Livro de outrem, transforma-lo em PDF e lançar na Internet para que os usuários baixem de graça é arriscado. A não ser que seja um louco querendo problemas.

      Acho muito difícil que não seja do conhecimento do autor o livro estar disponível em PDF.

      Excluir
  22. Lucas, eu estive pensando sobre a questão da tal inquisição protestante, e me pergunto se tal discussão se existiu de fato uma inquisição protestante ou não, seria apenas uma discussão semântica. Quando o católico se refere ao termo "inquisição protestante", ele não necessariamente afirma que havia tribunas e inquéritos que julgavam crimes de heresia nos países protestantes, da mesma forma que havia nos países católicos. O católico, quando afirma que houve uma "inquisição protestante", ele está se referindo a repressão religiosa como um todo promovida por protestantes. O católico pode afirmar que o que importa realmente é também que houve repressão religiosa nos países protestantes, independentemente se isso pode ser chamado de inquisição ou não.
    você tem algo escrito sobre a questão das caça às bruxas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é por aí, eles realmente acreditam que houve tribunais eclesiásticos protestantes julgando a heresia como crime igual a Inquisição fazia, por isso citam a Genebra de Calvino como um exemplo, ou o governo inglês de Isabel. E mesmo que este não fosse o caso, mudar o significado de uma palavra neste contexto não é uma “questão semântica”, é uma atitude desonesta, pois ao se apropriar do termo “Inquisição” e sem explicação alguma, sem nenhuma observação prévia e até sem o uso das aspas, eles estão simplesmente enganando os leitores leigos que acabam realmente pensando que existiu uma “Inquisição protestante” nos moldes católicos.

      Ninguém pode mudar o significado de uma palavra desse jeito e depois vir se desculpar dizendo que se trata de uma “questão semântica”, da mesma forma que eu não poderia mudar o significado de nazismo, atribuir ao nazismo um outro significado ao meu bel prazer e então taxar os católicos de nazistas. Seria desonestidade de minha parte, se eu fizesse isso. É o que eles fazem com a “Inquisição protestante”. Na verdade eles sabem que se falassem apenas em “perseguições ocorridas em países protestantes” iria surtir um efeito bem menor, ainda mais quando essas tais perseguições quase não existiram e foram irrisórias em comparadas com o grau das perseguições católicas, então eles precisam inventar uma tal “Inquisição” para ganhar impacto e surtir algum efeito maior, como eles querem.

      Sobre a questão da bruxaria eu vou abordar mais extensivamente no livro, mas resumidamente você pode ver uma resposta aqui:

      http://www.lucasbanzoli.com/2018/02/o-que-voce-nunca-soube-sobre-dieta-de.html?showComment=1517974051132#c1043086028262132044

      Excluir
  23. Você gosta do presidente atual dos EUA Donald Trump? Sinceramente, vejo muitas pessoas alienadas achando que ele é um bom "cristão" só porque ele citou a bíblia e se diz contra o aborto (mas pra mim isso é jogada manipuladora...). Ele é arrogante e se acha dono do mundo (embora ele seja milionário, mas isso não dá direito pra ele achar que todos os países têm que se prostrar aos pés dele).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu detestava ele na época das eleições, achava ele (e até certo ponto continuo achando) o mais incapacitado dentre quase todos os presidenciáveis republicanos (falo isso porque assisti a três ou quatro debates na época), mas devo confessar que o governo dele está me surpreendendo positivamente até aqui, está agradando bastante. Eu pensava que o discurso conservador dele e esse jeito de "confrontador do sistema" era apenas uma caricatura, um papel que ele fazia para ganhar as eleições por um partido republicano, mas não, ele tem se demonstrado tão firme nessas pautas agora que já está mais de 1 ano na presidência, quanto estava na época anterior à eleição. Continuo não gostando da postura arrogante dele, acho que isso ninguém tem como gostar, mas em relação ao governo em si, excetuando um erro aqui ou ali, eu avalio bem positivamente, e espero que não morda minha língua lá na frente.

      Excluir
    2. Apenas fazendo um adendo: você falou em "bom cristão", isso eu não tenho como julgar pois vai da vida privada de cada um que eu não conheço, eu avaliei apenas o governo em si, de uma forma geral.

      Excluir
  24. Você sempre acreditou em Deus, ou já foi cético algum dia?
    Você acredita que sua crença em Deus é algo mais voltado pra razão e pro conhecimento ou mais voltado para o sentimento / espiritualidade?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sobre a primeira questão, sempre acreditei. Sobre a segunda, eu diria que a base é a espiritualidade, mas com argumentos racionais por cima. Mas mesmo que um dia refutassem todos os argumentos para a existência de Deus (o que eu duvido muito que se consiga), eu ainda creria em função da experiência pessoal.

      Excluir
    2. Conte-nos sobre suas experiencias

      Excluir
    3. Entendo que experiências particulares devem ficar no âmbito pessoal.

      Excluir
  25. https://www.youtube.com/watch?v=XNRKIb_ASns
    Concorda com a opinião dele? Se sim, porque sim? Se não, porque não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Provavelmente o pior vídeo contra o armamentismo que eu já assisti. Do jeito que ele fala, parece que não tem portão em casa, deixa a porta de casa aberta, não tranca a porta do carro e nem tem seguro de nada, apenas "tem fé" e "confia em Deus". Os argumentos usados são piores ainda, o cara pega casos isolados para pautar sua análise, quando qualquer um sabe que em se tratando de América latina os países mais armados são em geral os com menor índice de homicídios, e os menos armados são os com mais homicídios. Desarmar a população não é o mesmo que desarmar o bandido, que vai ter arma ilegal do mesmo jeito, é apenas desarmar o cidadão de bem que não pode se defender.

      Excluir
  26. Esse sujeito é filho do diabo. Todo herege tem o cérebro cheio de vômitos e fezes de Satanás. São como túmulo aberto como Paulo diz aos Romanos. Não há por que haver tolerância com hereges, pois aos tais Jesus adjetivou de filhos do inferno, Paulo os chamou de cheios de engano e malícia, e Estevão de incircuncisos de coração e ouvido, ou seja, sem pacto algum com Deus nem o mínimo de temor ao Senhor.

    ResponderExcluir
  27. Lucas, Jesus era socialista? O meu professor de Geografia certa vez enquanto nós falava sobre socialismo ele disse que Jesus era socialista. Enfim ele era?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não. Escrevi sobre isso aqui:

      http://ateismorefutado.blogspot.com.br/2015/04/socialismo-e-cristianismo-sao.html

      Excluir
  28. Essa é para você Banzoli. Responda essa, se for capaz:

    https://www.youtube.com/watch?v=XRFkTdOiHfQ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "A PERGUNTA QUE TRAVOU OS TEÓLOGOS CALVINISTAS". O que eu tenho a ver com isso se não sou calvinista?!?

      Excluir
    2. A pergunta foi bem elaborada, não foi Banzoli?

      Excluir
  29. AO MACABEUS:

    Eu já esperava uma resposta, mas não uma que fosse tão miseravelmente ruim como essa. Eu realmente senti pena, dava pra perceber seu nervosismo de longe, suando frio, atropelando as palavras, completamente desnorteado, parecia um cego em meio a um tiroteio, um bêbado levando uma surra. Quanto mais falava mais se embolava, mais se complicava, mais comprovava que tudo o que eu disse era mesmo verdade. Eu diria que você perdeu totalmente sua credibilidade, se tivesse alguma. Foram tantas pérolas e micos que eu poderia escrever um outro artigo inteiro apenas te desmoralizando de novo, mas como você não tem relevância suficiente para aparecer neste site mais do que uma vez por ano, vou expor suas pilhérias por essa resposta mesmo:

    1) Começa o vídeo lendo as calúnias de um zé ninguém contra mim (na verdade, de um cara que debateu comigo há sete anos atrás, perdeu feio e saiu espalhando difamações contra mim internet afora, em vez de me refutar), que você, como o típico canalha que é, não apenas as compra como verdadeiras a priori assim como fez com as citações “de Lutero” que eu já desmascarei, como ainda o toma como alguma autoridade no assunto, e pior ainda, como o representante máximo que fala por todos os protestantes, mesmo sem nenhuma prova de porcaria nenhuma que diz. Realmente, você é o sujeito mais sujo, nojento e deplorável que já tive o desprazer de conhecer. Um cara chegar ao ponto de botar meu nome no Google pra ir caçando qualquer comentário insultuoso que fazem contra mim por aí para depois usá-los como “prova” de alguma coisa é porque já está bastante desesperado mesmo. Mas o que esperar de um vagabundo que usa citações católicas de quatro séculos após a morte de Lutero para dizer que ele tinha quatro esposas? (risos). Para um palhaço como você, qualquer coisa vira “fonte” desde que concorde com algo que você, no seu mundo imoral e imundo, defende como “verdade”.

    2) Ficou meia hora me xingando por Marrie Carré ter sido protestante antes, quando EU MESMO JÁ HAVIA DITO O MESMO no meu artigo. É realmente um animal. Disse que só tinha citações “de Lutero ou de luteranos”, quando na verdade não tinha NENHUMA de Lutero e NENHUMA de luteranos, mas tenta passar credibilidade a citações de uma freira católica que você assumidamente NUNCA LEU e que escreveu mais de quatro séculos após a morte de Lutero, apenas porque havia sido uma protestante antes (e nem luterana era). Isso seria como se eu usasse o nome do ex-padre Aníbal Pereira dos Reis como autoridade máxima em um assunto para poder inventar qualquer ataque ou difamação contra um papa de cinco séculos atrás e ser considerado verdadeiro a priori independentemente da ausência de fontes, apenas porque ele também foi católico pela maior parte da vida. Realmente, se existe algum ser mais pilantra e mau-caráter do que você, eu desconheço.

    3) Como se não bastasse ter CONFIRMADO tudo aquilo que eu disse no artigo (sobre ter tirado as citações de uma freira católica que escreveu mais de quatro séculos após a morte de Lutero, fazendo difamações sem nenhuma fonte primária), ainda quis dar um jeitinho de transformar Marrie Carré em “luterana” (o que ela nunca foi), e pateticamente transforma os presbiterianos em luteranos também, mudando descaradamente o significado do termo “luterano” ao seu bel prazer, apenas para não ter que admitir que mentiu de novo sobre uma autora da qual DESCONHECIA COMPLETAMENTE. O animal literalmente prefere inventar que presbiterianos são luteranos e que a definição de “luterano” depende da mente vazia e doentia dele, do que admitir que inventou uma mentira grosseira e grotesca sobre uma autora que nunca tinha lido na vida e nem sabia quem era (ficou sabendo depois do meu artigo).

    (Continua...)

    ResponderExcluir
  30. 4) A parte mais hilária é onde inventa que Marrie Carré começou a escrever aquele livro dela mais de dez anos antes da publicação do mesmo(!), tentando por meio de um malabarismo risível e patético forçar que ela havia escrito quando ainda era protestante! Quer dizer: o vagabundo não tem como refutar o fato do livro ter sido publicado dez anos depois, quando ela já era católica há muito tempo, mas como precisa desesperadamente inventar que isso foi dito por um protestante para não ter que admitir que mentiu de novo, inventa que o livro havia “começado a ser escrito” mais de uma década antes! De onde esse animal tirou isso? Do focinho dele, é claro (para não dizer de um lugar pior).

    5) A parte mais desonesta é onde recorta uma frase que eu disse SEM A MINHA EXPLICAÇÃO POSTERIOR, para tentar transmitir aos seus leitores incautos e acéfalos a ideia de que eu estava proibindo o uso do “apud” por si só. Seu animal, ninguém aqui recriminou o uso do apud mas sim o fato do apud SER DE OUTRO FANÁTICO TRADICIONALISTA CATÓLICO DO SÉCULO XX, como eu deixo perfeitamente claro na continuação do meu texto que você, como o típico embusteiro e canalha que é, não mostrou aos seus leitores néscios. Se o “apud” remetesse pelo menos a “Lutero ou luteranos” como você disse eu poderia até relevar, mas não, o apud é de OUTRO AUTOR CATÓLICO DA MESMA ÉPOCA, sem nenhuma fonte primária ou mesmo secundária. Para ser mais preciso: a fonte de Daniel Raffard de Brienne é Marrie Carré, não um livro de Lutero ou de um luterano; suas citações são de UM CATÓLICO CITANDO OUTRO CATÓLICO da mesma época, seu animal!!!

    6) Precisa mudar de assunto desesperadamente a todo o momento para não admitir que foi desmascarado aqui, ressuscitando casos já refutados e desmascarados há muito tempo, coisa de pilantra mesmo. Eu poderia “abrir o baú” também e mostrar dúzias de palhaçadas, insanidades e demências suas que já desmascarei há muito tempo em artigos passados, mas aqui o assunto é outro, é sobre a SUA MENTIRA SOBRE AS CITAÇÕES DE LUTERO, que você por desonestidade não quer admitir que enganou os seus leitores a despeito do quão óbvio isso é.

    7) O cara sequer sabe quem foi Francisco Peña e ainda quer ter moral para falar sobre o “Manual dos Inquisidores”, eu mereço!!! O burrão sequer sabe o que é uma fonte primária ou secundária; uma fonte não é “primária” apenas por ter sido publicada na época ou “secundária” apenas por ter sido publicada em outra época ou em outro idioma ou com um prefácio de alguém, mas sim por ter sido ESCRITA PELO MESMO AUTOR COM O MESMO CONTEÚDO. O que o animal não entendeu é que o livro de 1993 é apenas uma TRADUÇÃO do original, da mesma forma que eu poderia escrever um livro hoje em português e daqui uns 80 anos alguém traduzi-lo para o alemão e publicar na Alemanha, qual é o problema? Alguém precisa urgentemente avisar esse animal que livros traduzidos ainda permanecem sendo do MESMO AUTOR, a despeito da tradução ou da publicação posterior em outro país. Quando o seu amiguinho (o astronauta católico) veio com a mesma palhaçada, eu mostrei o mesmo Manual em espanhol SEM O PREFÁCIO DO BOFF, e os mesmos trechos estavam todos ali, EXATAMENTE IGUAIS:

    http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2016/02/desmascarando-o-monstro-moral-e-mais.html

    (Continua...)

    ResponderExcluir
  31. Ou seja, o imbecil usa de argumento uma cretinice de outro apologista que já foi desmascarado há dois anos e segue até hoje sem contra-argumentação. Fala sério! Na mesma refutação eu disponibilizo o link do Manual dos Inquisidores no original em latim para ele me refutar usando ele, já que ele supostamente sabe latim, por que raios vocês não fizeram isso ainda??? Porque SABEM que estão mentindo, vivem para este fim e não sabem fazer outra coisa na vida. Não tem como refutar todas as atrocidades e aberrações presentes no Manual dos Inquisidores, então precisam ATACAR ESPANTALHOS, atacar o cara que fez o prefácio e que nunca foi excomungado formalmente pela Igreja (apenas por católicos tradicionalistas doentes como você) e que foi consultado pelo próprio papa Francisco para escrever sua nova encíclica, tudo para não ter que admitir que o conteúdo do LIVRO EM SI é um verdadeiro tapa na cara de todo apologista católico doente defensor da Inquisição:

    http://heresiascatolicas.blogspot.com.br/2016/02/o-livro-que-e-o-tapa-na-cara-de-todo.html

    8) A melhor parte vem justamente no final do vídeo, onde o picareta ADMITE QUE NÃO LEU PORCARIA NENHUMA E QUE APENAS COPIOU AS CITAÇÕES DA MONTFORT. E é claro, deixando implícito que mentiu quando disse que as citações eram “de Lutero ou de luteranos”, quando na verdade eram apenas patifarias e difamações que ele copiou e colou de um site católico qualquer. Que vergonha! Que deprimente! Você deveria se envergonhar de ser tão desonesto, asqueroso, picareta e charlatão. É POR ISSO que você é um legítimo VAGABUNDO, um vagabundo que nunca leu nada de Lutero e muito menos de luteranos, mas que mesmo assim se sente no direito de recortar citações católicas que achou em um blog qualquer da internet para difamar Lutero, e ainda atribuí-las a ele ou aos seus seguidores. Vá tomar vergonha nessa sua cara!

    Depois de 26 minutos de pérolas, difamações, devaneios e delírios, a única coisa que conseguiu provar foi que você realmente não leu nada de Lutero, que tirou aquelas citações da Montfort e mentiu dizendo que eram “de Lutero ou de luteranos”, e a única coisa que conseguiu provar contra mim foi que eu possuo uma deficiência na voz, que ANIMAIS como você usam para escarnecer, como se eu me importasse com a opinião de um lixo humano e um monstro moral como você. Você é tão desonesto, tão vagabundo, ordinário e asqueroso que mesmo após ser humilhado e desmascarado prefere caçar difamações pessoais no Google, repetir o que eu mesmo digo no artigo e ressuscitar velhas calúnias já desmascaradas há anos do que ADMITIR que errou ao tentar enganar seus leitores néscios. A partir de hoje, ninguém mais vai ter desculpa para pensar que você é apenas um incapacitado, como disse o Yago, porque está claro que se trata de um MAL-INTENCIONADO mesmo, um mau-caráter traiçoeiro e rasteiro, um rato de esgoto imoral e sujo e uma víbora que merece apenas todo a nossa indiferença e desprezo. Voltará agora ao esquecimento, de onde veio.

    ResponderExcluir
  32. Lucas Banzoli, eu tenho que te parabenizar pelo desabafo.

    Vou me levantar para te aplaudir

    clap clap clap clap clap clap clap clap clap clap clap clap clap clap clap clap clap clap

    Espero que seu comentário não seja esquecido - que entre para a história.

    ResponderExcluir
  33. Silêncio sepulcral. Não tem saída!

    "Babilônia há de cair pelos mortos de Israel, assim como por Babilônia têm caído os mortos de toda a terra", Jer 51:49.

    ResponderExcluir
  34. Macabeus, para você mais uma vez

    Porque a pergunta sobre Cristo foi alongada? Qual era a pergunta original (do credo) se ele foi criado no fim do século 3? A alteração na pergunta sobre Cristo sofreu alteração na mesma ocasião?

    Alguém conseguiu entender o enrolo? O credo é do século 3 e a pergunta foi alongada no século 3!!!???



    Será que havia uma confissão antes que só exigia que se cresce em Cristo (na hora do batismo - Atos 16:31-33) mas depois houve uma alteração?


    Que alongamento foi esse da pergunta sobre Cristo? A pergunta sobre Cristo sofreu alteração por que? Havia antes a pergunta sobre crer no Pai e no Espírito Santo, as quais aparentemente não necessitaram de alteração, mas somente na pergunta sobre Cristo é que houve necessidade de um alongamento? No way!

    Que diacho o ex Cardeal está querendo dizer com um "alongamento feito na pergunta sobre Cristo?"

    Essa coisa está muito suspeita. Parece que havia uma pergunta sobre Cristo apenas, mas ela foi alterada para onde, incluindo o que?

    Retzinger já chutou o pau da barraca denunciando que o credo não é da era apostólica, e agora parece engasgado querendo dizer alguma coisa, mas está sofrendo de timidez. Hummmmmmm

    ResponderExcluir
  35. Banzoli, envie esse presente meu para o Macabeus:

    APRENDA DEFINITIVAMENTE A USAR A VÍRGULA COM 4 REGRAS SIMPLES

    https://www.lendo.org/como-usar-virgula/



    Anônimo dos Presentes (Não me confunda com o Papai Noel, Macabeus)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você acha mesmo que isso vai resolver o problema dele? Se ele não sabe nem ler o que está escrito aí, vai aprender como? Mais fácil o porco criar asa e voar.

      Excluir
    2. "Você acha mesmo que isso vai resolver o problema dele? Se ele não sabe nem ler o que está escrito aí, vai aprender como? Mais fácil o porco criar asa e voar."

      Poxa, agora perdi as esperanças nele. Não sabe NEM LER!? Aí fica difícil de ajudar. ;=(

      Excluir
    3. O jeito é voltar ao primário e ir tentando aos poucos. O Lula pulou etapas, fez supletivo e deu no que deu.

      Excluir
    4. "O jeito é voltar ao primário e ir tentando aos poucos. O Lula pulou etapas, fez supletivo e deu no que deu."

      Pois é.

      Está vendo Macabeus? Ainda há esperança pra vc. :)

      Excluir
  36. É mais fácil achar um japonês preto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "É mais fácil achar um japonês preto"

      Só em animes. rsrs...

      Excluir

Deixe o seu comentário. Sua participação é importante e será publicada após passar pela moderação. Todos os tipos de comentários ou perguntas educadas sobre qualquer assunto são bem-vindas e serão respondidas cordialmente, mas comentários desrespeitosos não serão publicados. Confrontamentos e discussões são aceitos, desde que saia do anonimato.